PE. JOÃO CARLOS - BLOG DA MEDITAÇÃO: ANJO GABRIEL
Mostrando postagens com marcador ANJO GABRIEL. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ANJO GABRIEL. Mostrar todas as postagens

MARIA PISA NA CABEÇA DA SERPENTE



Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo! (Lc 1,  28)

08 de dezembro de 2019.

Olha que cena bonita: uma mulher e um anjo. Um anjo de Deus vem falar com Maria. “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!” Foi a saudação do anjo Gabriel. Ele a chamou de ‘cheia de graça’, cheia da graça de Deus, habitada completamente pela graça do Altíssimo. Não tinha lugar para o pecado nela. Estava cheia da graça de Deus. Esta passagem, de maneira especial, deu razão à percepção que tinham os cristãos desde o primeiro século do cristianismo de que Maria era uma criatura muito especial, de que Deus a tinha cumulado de bênçãos de maneira absolutamente inédita. O anjo de Deus disse que Deus estava com ela, estava ao lado dela, queria-lhe todo bem. Ele disse “O Senhor está contigo”. Ela, coitada, ficou toda confusa e preocupada, sem entender o que estava acontecendo.

Bom, congela essa imagem do anjo bom falando com Maria. E vamos evocar outra cena. Nessa segunda cena, também tem uma mulher e um anjo. Um anjo mal veio falar com a Eva. “É verdade que Deus proibiu vocês de comer os frutos das árvores do pomar?”. ‘Não’, Eva lhe disse. ‘Ele só não quer que a gente toque naquela árvore está no meio do jardim. É um fruto venenoso, mata a gente”. Você está entranhando... e não era a serpente? Tudo bem, e quem era a serpente? Claro, o anjo mal, o demônio. Podemos prosseguir?  Ele, o anjo mal, a serpente, disse a Eva: “Hum hum... vou dizer uma coisa a você. Deus sabe que se vocês comerem aquela fruta, vocês vão conhecer o bem e o mal. Vocês serão deuses, como ele”. E a mulher já começou a ver aquela fruta de outra forma... que fruta bonita e vai nos dar entendimento! Foi lá e comeu. E deu também a Adão, que também participou do mesmo sentimento de desconfiança sobre o Criador. O que vemos nessa cena? Vemos que a humanidade afastou-se de Deus. O pecado entrou no mundo. A mulher, representando a humanidade, disse ‘não’ a Deus.

Congela aí essa imagem de Eva e do anjo mal. Voltemos à cena do anjo bom falando com Maria. Ele está lhe dizendo que ela encontrou graça diante de Deus. Que ela não tenha medo. Que vai ficar grávida e ter um filho. Ele será o filho de Deus, a quem será dado o trono de Davi. Será o rei. Essa é a vontade de Deus que o anjo está comunicando a Maria. Ela fica preocupada. Nem é casada ainda, como pode ser isso? O anjo bom explica que o Espírito vai gerar no seu ventre o filho de Deus. Mesmo sem compreender tudo, Maria confirma que quer realizar a vontade de Deus, que tudo aconteça como ele mandou dizer. Maria diz “sim” a Deus. “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim, segundo a tua palavra”. O que vemos nessa cena? A mulher, representando a humanidade, disse ‘sim’ a Deus.

Congela aí a cena de Maria. Vamos voltar para o livro do Gênesis, capítulo 3. O Senhor Deus está frente a frente com Adão e Eva. Eles romperam a confiança e a amizade que tinham com Deus. O seu pecado os distanciou dele. Aquele ‘não’ destruiu aquela aproximação que havia com o Criador, desequilibrou tudo e trouxe muito sofrimento. O homem pôs a culpa na mulher. A mulher pôs a culpa na serpente. E Deus fez um anúncio para o futuro: “Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a descendência dela. Esta te esmagará a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar”. O que vemos nessa cena? A promessa de Deus que um dia a humanidade venceria a serpente.

Nessa promessa de Deus, bem no começo da história, está a promessa da vinda do Salvador. Ele é a descendência da mulher que esmaga a cabeça da serpente, que vence o maligno, que tira o pecado do mundo. Jesus é o salvador. Na vitória de Cristo, a humanidade também venceu o pecado, esmagou a cabeça da serpente. A humanidade redimida venceu o maligno, embora este ainda continue tentando morder-lhe o calcanhar.






Guardando a mensagem

Maria é a nova Eva. Eva representa a humanidade decaída pelo pecado. Maria representa a humanidade redimida do pecado. Eva disse ‘não’ a Deus. Maria disse ‘sim’ a Deus. No batismo, pelos merecimentos de Cristo, fomos lavados dos nossos pecados. Os merecimentos de Cristo, a redenção que ele nos alcançou na sua paixão, também foram aplicados à Maria. E foram aplicados antes que ela nascesse. Assim, ela já veio sem o pecado, já veio imaculada. Nessa condição, de cheia de graça, de não ter o pecado original nem nenhum pecado, é que ela foi a mãe do Redentor. Quem pisa a cabeça da serpente? A humanidade redimida por Cristo, da qual Maria é a primeira representante.

Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo! (Lc 1,  28)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
A Igreja repete, com muito amor, a saudação do anjo bom à tua santa mãe, acrescenta o louvor que lhe fez Izabel, arrematando a prece com o reconhecimento de sua maternidade divina. Vamos fazer isso agora também.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco. Bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Vivendo a palavra

Se não puder rezar o terço hoje, recite pelo menos o pai nosso e 10 ave-marias. É uma maneira de meditar na Imaculada Conceição de Maria.

Pe. João Carlos Ribeiro – 08 de dezembro de 2019

6º dia da novena - O TESTEMUNHO DE GABRIEL


O Senhor lhe dará o trono de seu pai Davi (Lc 1, 32)

20 de dezembro de 2018. 

Apresentação do tema 

O anjo Gabriel foi enviado por Deus a Maria. Ele a saudou de uma forma surpreendente: “Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo”. E anunciou que ela seria mãe, mesmo sendo virgem. E deu um testemunho maravilhoso sobre Jesus. Maria ouviu tudo, confusa coitada e pediu uma explicação. E ele a tranquilizou: ela engravidaria por obra do Espírito Santo. E Maria, com humildade e generosidade, aceitou a missão que Deus lhe confiava. 

Nessa proximidade do natal, recordamos como foi o anúncio do anjo a Maria. E ficamos atentos ao anjo Gabriel. Ele desempenhou bem a sua tarefa. Veio da parte de Deus, como mensageiro, com uma missão muito especial. Entrou com grande respeito na presença de Maria, saudando-a como cheia de graça, comunicou-lhe a boa notícia que trazia, tirou suas dúvidas, recebeu sua resposta e se foi. A evangelização deve sempre produzir uma resposta, um engajamento da pessoa. 

Ele revelou coisas muito especiais sobre Jesus: ele, o filho de Deus e de Maria, é o líder do povo santo e de toda a humanidade.

O Senhor lhe dará o trono de seu pai Davi (Lc 1, 32) 

Oração do dia 

O anúncio do anjo a Maria é celebrado, em nossa tradição cristã católica, de maneira especial, com a oração do ÂNGELUS. 

Guia: O Anjo do Senhor anunciou a Maria. 
Todos: E Ela concebeu do Espírito Santo. 

Guia: Eis aqui a serva do Senhor. 
Todos: Faça-se em mim segundo a vossa palavra. 

Guia: E o Verbo se fez carne. 
Todos: E habitou entre nós. 

Guia: Rogai por nós, Santa Mãe de Deus! 
Todos: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. 

Guia: Oremos. Derramai, ó Deus, a vossa graça em nossos corações, para que, conhecendo pela mensagem do anjo a encarnação do vosso Filho, cheguemos, por sua paixão e cruz, à glória da ressurreição. Por Cristo, nosso Senhor. 
Todos: Amém. 

Bênção 

O Senhor nos abençoe, nos livre de todo o mal e nos conduza à vida eterna. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém. 

Para você viver a palavra deste 6º dia da novena de natal 

- Nesta proximidade do natal do Senhor, o que você pode aprender com o anjo Gabriel? 

Pe. João Carlos Ribeiro – 20.12.2018

GABRIEL EVANGELIZANDO NA CASA DE MARIA

O anjo entrou onde ela estava e disse: ‘Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo’ (Lc 1, 28)
22 de agosto de 2018.
A cena é muito conhecida. O anjo Gabriel foi enviado por Deus a Maria. Ele a saudou de uma forma surpreendente: “Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo”.  E anunciou a Maria que ela seria mãe, mesmo sendo virgem. E deu um testemunho maravilhoso sobre Jesus. Maria ouviu tudo, confusa coitada, e pediu uma explicação. E ele a tranquilizou: ela engravidaria por obra do Espírito Santo. E ela, com humildade e generosidade, aceitou a missão que Deus lhe confiava.
A gente sempre fica olhando para Maria. Claro, ela é o centro da cena. Mas, hoje podemos prestar mais atenção ao anjo que foi falar com ela. Podemos  organizar a visita dele em sete passos: ele foi enviado por Deus; ele entrou onde Maria estava e a saudou; ele a tranquilizou e lhe deu a boa notícia da gravidez do filho de Deus; respondeu à dúvida dela sobre como engravidaria; avisou sobre Izabel que estava já no sexto mês de gestação; recebeu a resposta positiva da Virgem; e retirou-se. Uma comunicação perfeita, em sete passos. Um modelo para a evangelização.
Prestemos também atenção no que Gabriel disse sobre a criança que iria nascer. Sobre Jesus, o anjo Gabriel revelou coisas maravilhosas a Maria. Podemos reunir o que ele disse em sete pontos:  Ele será concebido e gerado por ela, que lhe dará o nome de Jesus; Ele será grande; Ele será filho do Altíssimo; Ele receberá de Deus o trono de Davi; Ele reinará para sempre; Ele será reconhecido como Santo; Ele será filho de Deus, concebido pelo Espírito Santo.  Sete verdades maravilhosas que o anjo revelou a Maria sobre Jesus.
Tudo o que Gabriel disse sobre Jesus podemos resumir da seguinte forma: esse menino é filho de Maria e filho de Deus. Ele é grande e santo, igual ao Senhor Deus. E ele está nascendo para reinar sobre o seu povo, como um novo Davi, e reinará para sempre.
Jesus, homem e Deus, será o líder do povo santo e de toda a humanidade. O apóstolo Paulo dirá que ele é o novo Adão, que tudo nele recomeça - o novo Adão em comunhão com Deus e com seus irmãos; um Adão vencedor do pecado; a criação, a obra de Deus, levada a bom termo. Nele, recomeça a humanidade, agora em comunhão com o Criador.
Guardando a mensagem
No dia de hoje, celebramos a festa de Nossa Senhora Rainha. A festa da realeza de Maria está em continuação com a festa da sua assunção ao céu. Sua realeza é estar unida a Jesus, filho de Davi, na sua adesão à vontade de Deus. Na meditação de hoje, ficamos atentos ao anjo Gabriel. Ele fez bem a sua tarefa. Ele veio da parte Deus, como mensageiro, com uma missão muito especial. Entrou com grande respeito na presença de Maria, saudando-a como cheia de graça, comunicou-lhe a boa notícia que trazia, tirou suas dúvidas, recebeu sua resposta e se foi. A evangelização deve sempre produzir uma resposta, um engajamento da pessoa. O anjo Gabriel revelou coisas muito especiais sobre Jesus: ele, o filho de Deus e de Maria, é o líder do povo santo e de toda a humanidade.  A evangelização nos leva à pessoa de Jesus. E nos pede uma resposta sobre esse encontro com o filho de Deus que muda a nossa vida.
O anjo entrou onde ela estava e disse: ‘Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo’ (Lc 1, 28)
Rezando a palavra
O anúncio do anjo a Maria é celebrado, em nossa tradição cristã católica, de maneira especial, com a oração do ÂNGELUS.

Guia: O Anjo do Senhor anunciou a Maria.
Todos: E Ela concebeu do Espírito Santo.
Guia: Eis aqui a serva do Senhor.
Todos: Faça-se em mim segundo a vossa palavra.
Guia: E o Verbo se fez carne.
Todos: E habitou entre nós.
Ave Maria…
Guia: Rogai por nós, Santa Mãe de Deus!
Todos: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Guia: Oremos. Derramai, ó Deus, a Vossa graça em nossos corações, para que, conhecendo pela mensagem do anjo a encarnação do vosso Filho, cheguemos, por Sua Paixão e Cruz, à glória da Ressurreição. Por Cristo, nosso Senhor.
Todos: Amém.
Vivendo a palavra
Maria ficou prestando atenção no que Gabriel disse. Maria não entendeu tudo, mas ficou guardando e meditando tudo aquilo no seu coração. Hoje, faça como Maria. Preste bem atenção nas palavras do Senhor e guarde-as no seu coração.
Pe. João Carlos Ribeiro – 22.08.2018

A MISERICÓRDIA DE DEUS E O SIM DE MARIA

Eis aqui a serva do Senhor (Lc 1,38)
09 de abril de 2018.
Primeiro, Maria  ficou assustada. De repente, o anjo com uma saudação estranha. “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo”. O que está acontecendo? O que isso significa? ‘Não tenha medo, Maria. Deus está muito feliz com você. Você vai conceber e gerar o filho dele, o filho que vai herdar o trono de Davi’. Maria ainda estava assustada, mas já tinha uma resposta. Deus estava feliz com ela e comunicando-lhe uma grande missão.
Depois do susto, veio a dúvida. ‘Não é possível uma coisa dessas... eu nem casada sou. Como é que uma virgem pode ser mãe?’ E o anjo: ‘Para Deus não tem isso não, Maria, tudo é possível para ele. Quer um exemplo? Izabel. Estéril, idosa, agora está grávida de seis meses’. ‘Como Deus é grande, como ele é bom’, pensou Maria. Desvaneceu-se a dúvida. Ele é o todo-poderoso. Ele faz maravilhas.
Passado o susto, ela dialogou responsavelmente para ver o alcance do que lhe estava sendo comunicado. A dúvida foi esclarecida. Vem agora a entrega. “Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra”. Entrega-se ao cumprimento da vontade do Senhor manifestada na palavra do anjo. Realizará a vontade do Senhor, como serva. Entrega humilde, generosa, total.
É, Deus sempre nos surpreende. Manda-nos seus recados. Ele nos pega de surpresa. Suas propostas alteram profundamente a normalidade do nosso caminho, de nossa vida. Ele tem planos  diferentes dos nossos. Mas, não é uma ordem do dia, uma distribuição aleatória de tarefas que se dá a qualquer um. É, antes de tudo, uma escolha amorosa. É um voto de confiança de quem ama a quem ele cumulou de toda graça, de toda bênção. A escolha é antes de tudo um sinal distintivo do seu amor. “Não foram vocês que me escolheram, fui eu que escolhi vocês”, afirmou Jesus.
Vamos guardar a mensagem
O sim de Maria foi muito especial. Depois do susto, ela procurou saber o alcance daquele convite tão especial da parte de Deus. Convenceu-se de que ele pode tudo e que, com ele, ela poderia vencer qualquer obstáculo, começando por fazer fecunda a sua virgindade. Teve fé. Izabel fez-lhe um elogio por sua fé: “Bem-aventurada a que acreditou, pois o que lhe foi dito da parte do Senhor se cumprirá”. A primeira reação à entrada surpreendente de Deus em nossa vida, integrando-nos ao seu projeto de salvação, é o susto, a surpresa. Depois vem a dúvida. E por fim, a resposta. Às vezes, ela não é como a de Maria, a de entrega generosa e humilde. Às vezes, é presunçosa e egoísta. É, muitas vezes, Deus tem recebido um “não”. ‘Não vou, porque já tenho o meu projeto, vou cuidar da minha vida ao meu modo’... Mas, hoje, dia da Anunciação do Senhor, não é dia de ‘não’, hoje é dia de ‘sim’, do ‘sim’ de Maria e do seu ‘sim’ generoso e fiel, meu irmão, meu irmã.
Eis aqui a serva do Senhor (Lc 1,38)
Vamos rezar a Palavra
Senhor Jesus,
Temos, hoje, duas razões para estarmos alegres, felizes e muito agradecidos. Claro, em primeiro lugar a solenidade da anunciação, com a qual festejamos a iniciativa misericordiosa do Pai de enviar-te em nossa natureza humana, a tua adesão obediente de Filho amoroso e o ‘sim’ de tua mãe Maria, cheia da graça do nosso Deus. A segunda razão de nossa alegria, hoje, Senhor, é a nova Exortação Apostólica do nosso Papa Francisco. Justo hoje, ele nos manda uma carta tão bonita, que se chama ‘Gaudete et Exsultate, sobre o chamado à Santidade no mundo contemporâneo. Sejas bendito, Senhor, por tantos estímulos ao nosso crescimento como teus discípulos e discípulas. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.
Vamos viver a Palavra
Hoje, segunda-feira, no Terço Mariano, contemplamos os mistérios gozosos. Se você não puder rezar o terço todo, hoje, reze pelo menos o primeiro mistério, onde se medita a Anunciação do Anjo à Maria.


Pe. João Carlos Ribeiro – 08.04.2018

UM GRANDE EVANGELIZADOR, ESSE GABRIEL!


MEDITAÇÃO
PARA A QUARTA-FEIRA,
DIA 20 DE DEZEMBRO.
O Senhor lhe dará o trono de seu pai Davi (Lc 1, 32)
A cena é muito conhecida. O anjo Gabriel foi enviado por Deus à Maria. Ele a saudou de uma forma surpreendente: “Ave, cheia de graça, o senhor é contigo”.  E anunciou a Maria que ela seria mãe, mesmo sendo virgem. E deu um testemunho maravilhoso sobre Jesus. Maria ouviu tudo, confusa coitada e pediu uma explicação. E ele a tranquilizou: ela engravidaria por obra do Espírito Santo. E Maria, com humildade e generosidade, aceitou a missão que Deus lhe confiava.
A gente sempre fica olhando pra Maria. Claro, ela é o centro da cena. Mas, hoje podemos prestar mais atenção ao anjo que foi falar com ela. Podemos  organizar a visita dele em sete passos:  ele foi enviado por Deus; ele entrou onde Maria estava e a saudou; ele a tranquilizou e lhe deu a boa notícia da gravidez do filho de Deus; respondeu à dúvida dela sobre como engravidaria; avisou sobre Izabel que estava já no sexto mês de gestação; recebeu a resposta positiva da Virgem; e retirou-se. Uma comunicação perfeita, em sete passos. Um modelo para a evangelização.
Prestemos também atenção no que Gabriel disse sobre a criança que iria nascer. Sobre Jesus, o anjo Gabriel revelou coisas maravilhosas a Maria. Podemos reunir o que ele disse em sete pontos:  Ele será concebido e gerado por ela, que lhe dará o nome de Jesus; Ele será grande; Ele será filho do Altíssimo;  Ele receberá de Deus o trono de Davi; Ele reinará para sempre; Ele será reconhecido como Santo; Ele será filho de Deus, concebido pelo Espírito Santo.  Sete verdades maravilhosas que o anjo revelou a Maria sobre Jesus.
Tudo o que Gabriel disse sobre Jesus podemos resumir da seguinte forma: esse menino é filho de Maria e filho de Deus. Ele é grande e santo, igual ao Senhor Deus. E ele está nascendo para reinar sobre o seu povo, como um novo Davi, e reinará para sempre.
Jesus, homem e Deus, será o líder do povo santo e de toda a humanidade. O apóstolo Paulo dirá que ele é o novo Adão, que tudo nele recomeça. O novo Adão em comunhão com Deus e com seus irmãos. Um Adão vencedor do pecado; a criação, a obra de Deus, levada a bom termo. Nele, recomeça a humanidade, agora em comunhão com o Criador.
Maria ficou prestando atenção no que Gabriel disse. Maria não entendeu tudo, mas ficou guardando e meditando tudo aquilo no seu coração. Hoje, faça como Maria. Preste bem atenção nas palavras do Senhor e guarde-as no seu coração.
Vamos guardar a mensagem de hoje
Nessa proximidade do natal, recordamos como foi o anúncio do anjo a Maria. E ficamos atentos ao anjo Gabriel. Ele fez bem a tarefa dele. Ele veio da parte Deus, como mensageiro, com uma missão muito especial. Entrou com grande respeito na presença de Maria, saudando-a como cheia de graça, comunicou-lhe a boa notícia que trazia, tirou suas dúvidas, recebeu sua resposta e se foi. A evangelização deve sempre produzir uma resposta, um engajamento da pessoa. Ele revelou coisas muito especiais sobre Jesus: ele, o filho de Deus e de Maria, é o líder do povo santo e de toda a humanidade.  
O Senhor lhe dará o trono de seu pai Davi (Lc 1, 32)

O SIM DE MARIA


Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc 1, 38)
Primeiro, Maria  ficou assustada. De repente, o anjo com uma saudação estranha. “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo”. O que está acontecendo? O que isso significa? ‘Não tenha medo, Maria. Deus está muito feliz com você. Você vai conceber e gerar o filho dele, o filho que vai herdar o trono de Davi’. Maria ainda estava assustada, mas já tinha uma resposta. Deus estava feliz com ela e comunicando-lhe uma grande missão.
Depois do susto, veio a dúvida. ‘Não é possível uma coisa dessas... eu nem casada sou. Como é que uma virgem pode ser mãe?’ E o anjo: ‘Para Deus não tem isso não, Maria, tudo é possível para ele. Quer um exemplo? Izabel. Estéril, idosa, agora está grávida de seis meses’. ‘Como Deus é grande, como ele é bom’, pensou Maria. Desvaneceu-se a dúvida. Ele é o todo-poderoso. Ele faz maravilhas.
Passado o susto, ela dialogou responsavelmente para ver o alcance do que lhe estava sendo comunicado. A dúvida foi esclarecida. Vem agora a entrega. “Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra”. Entrega-se ao cumprimento da vontade do Senhor manifestada na palavra do anjo. Realizará a vontade do Senhor, como serva. Entrega humilde, generosa, total.
É, Deus sempre nos surpreende. Manda-nos seus recados. Ele nos pega de surpresa. Suas propostas alteram profundamente a normalidade do nosso caminho, de nossa vida. Ele tem planos  diferentes dos nossos. Mas, não é uma ordem do dia, uma distribuição aleatória de tarefas que se dá a qualquer um. É, antes de tudo, uma escolha amorosa. É um voto de confiança de quem ama a quem ele cumulou de toda graça, de toda bênção. A escolha é antes de tudo um sinal distintivo do seu amor. “Não foram vocês que me escolheram, fui eu que escolhi vocês”, afirmou Jesus.
Vamos guardar a mensagem de hoje
O sim de Maria foi muito especial. Depois do susto, ela procurou saber o alcance daquele convite tão especial da parte de Deus. Convenceu-se de que ele pode tudo e que, com ele, ela poderia vencer qualquer obstáculo, começando por fazer fecunda a sua virgindade. Teve fé. Izabel fez-lhe um elogio por sua fé: “Bem-aventurada a que acreditou, pois o que lhe foi dito da parte do Senhor se cumprirá”. A primeira reação à entrada surpreendente de Deus em nossa vida, integrando-nos ao seu projeto de salvação, é o susto, a surpresa. Depois vem a dúvida. E por fim, a resposta. Às vezes, ela não é como a de Maria, a de entrega generosa e humilde. Às vezes, é presunçosa e egoísta. É, muitas vezes, Deus tem recebido um “não”. ‘Não vou, porque já tenho o meu projeto, vou cuidar da minha vida ao meu modo’... Mas hoje, dia de Nossa Senhora do Rosário, não é dia de “não”, hoje é dia de “sim”, do “sim” de Maria e do “sim” generoso e fiel de muitos e muitas como ela.
Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc 1, 38)
Vamos acolher a mensagem de hoje com a prece
Senhor Jesus,

Postagem em destaque

JESUS É VIDEIRA, NÓS SOMOS OS RAMOS

18 de maio de 2022 Quarta-feira da 5ª Semana da Páscoa EVANGELHO Jo 15,1-8 Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 1“Eu sou a videira ...

POSTAGENS MAIS VISTAS