PADRE JOÃO CARLOS - MEDITAÇÃO DA PALAVRA: Deus é o senhor da minha vida.

Deus é o senhor da minha vida.


   03 de junho de 2024.   

Memória de São Carlos Lwanga 
e companheiros mártires de Uganda


    Evangelho.    


Mc 12,1-12

Naquele tempo, 1Jesus começou a falar aos sumos sacerdotes, mestres da Lei e anciãos, usando parábolas: “Um homem plantou uma vinha, cercou-a, fez um lagar e construiu uma torre de guarda. Depois arrendou a vinha a alguns agricultores, e viajou para longe. 2Na época da colheita, ele mandou um empregado aos agricultores para receber a sua parte dos frutos da vinha.
3Mas os agricultores pegaram no empregado, bateram nele, e o mandaram de volta sem nada. 4Então o dono da vinha mandou de novo mais um empregado. Os agricultores bateram na cabeça dele e o insultaram. 5Então o dono mandou ainda mais outro, e eles o mataram. Trataram da mesma maneira muitos outros, batendo em uns e matando outros. 6Restava-lhe ainda alguém: seu filho querido. Por último, ele mandou o filho até aos agricultores, pensando: ‘Eles respeitarão meu filho’. 7Mas aqueles agricultores disseram uns aos outros: ‘Esse é o herdeiro. Vamos matá-lo, e a herança será nossa. 8Então agarraram o filho, o mataram, e o jogaram fora da vinha. 9Que fará o dono da vinha? Ele virá, destruirá os agricultores, e entregará a vinha a outros. 10Por acaso, não lestes na Escritura: ‘A pedra que os construtores deixaram de lado, tornou-se a pedra mais importante; 11isso foi feito pelo Senhor e é admirável aos nossos olhos’?”
12Então os chefes dos judeus procuraram prender Jesus, pois compreenderam que havia contado a parábola para eles. Porém, ficaram com medo da multidão e, por isso, deixaram Jesus e foram-se embora.



    Meditação.    


Na época da colheita, ele mandou um empregado aos agricultores para receber a sua parte dos frutos da vinha (Mc 12, 2).

Olha só essa história de Jesus.... Um homem plantou uma vinha. Arrendou-a e viajou para longe. No tempo combinado, mandou buscar a renda. Os rendeiros negaram-se violentamente a pagar a renda. 

Para entender essa história de Jesus, basta saber quem é a vinha. E quem seriam os agricultores covardes que se apossaram da vinha. Você tem uma ideia sobre quem é a vinha? A vinha, quem é? Vou lhe ajudar.

Uma vinha é uma unidade de produção de vinho: a plantação da uva, a colheita e a fabricação do vinho, tudo feito na mesma fazenda. O homem plantou a vinha, cercou-a, fez um lagar (um tanque para pisotear as uvas) e até uma torre de guarda (para garantir a segurança do lugar). A vinha é uma imagem bíblica do povo de Deus. A vinha é o povo de Deus. No caso, o povo de Israel. Foi Deus que plantou aquela vinha e a aparelhou de todo necessário para produzir um bom vinho. O vinho é uma coisa nobre, é uma representação dos frutos que o povo devia produzir.

Então, quem é a vinha? O povo de Deus. O povo com sua terra, sua organização, seu desenvolvimento. E de quem é a vinha? Claro, de Deus. Foi ele que a plantou e organizou tudo. Ele deixou um grupo de agricultores tomando conta, os rendeiros. E quem seriam esses agricultores? Pense aí... É só prestar bem atenção no começo da leitura, que a gente fica sabendo de quais agricultores Jesus estava falando. Vou ler o comecinho do evangelho de hoje: “Jesus começou a falar aos sumos sacerdotes, mestres da Lei e anciãos, usando parábolas”. Quem são os agricultores que ficaram como rendeiros, tomando conta da vinha? Isso, essa turma aí... os sumos sacerdotes, os mestres da lei, os anciãos... os líderes do povo, os seus governantes. Eles não são donos da vinha. Eles devem dar conta do seu trabalho e dos frutos que a vinha produzir, dar contas ao dono da vinha. E quem é o dono da vinha? Claro, Deus.

Mas, os agricultores da parábola maltrataram os empregados que o dono da vinha mandou para receber a renda. Bateram neles, expulsaram, até mataram alguns. E quando o dono da vinha resolveu enviar o seu filho único, o herdeiro, eles se combinaram para matá-lo. Os empregados enviados foram os profetas. E você já advinha quem foi o filho único que o dono da vinha mandou... quem foi? Claro, o próprio Jesus que está contando a história.




Guardando a mensagem

A parábola se aplica a tudo o que é de Deus e que ficamos cuidando: a terra em que habitamos, a Igreja, a família, a comunidade, até nossa própria vida. A sua vida, por exemplo, é uma vinha que Deus plantou e dispôs muitas oportunidades para que ela produzisse muita coisa boa, um bom vinho. A sua vida é uma vinha. Você é o agricultor (a agricultora) que ficou tomando conta dela. Não vá pensar que a vinha é sua. Não é. Não vá negar a quota que é devida ao dono dela. Nem tratar os emissários dele com violência. E que quota você deve dar ao dono de sua vida? É bom você perguntar ao Espírito Santo de Deus que habita em você desde o batismo. Ele vai lhe dizer alguma coisa. Mas, eu já adianto: você precisa reconhecer claramente que a vinha é de Deus, que o que você consegue não é só fruto do seu suor.  O dízimo, por exemplo, é uma forma de reconhecer o senhorio de Deus em nossa vida. O que produzimos, ganhamos, conquistamos não é só esforço de nossa parte. Podemos e devemos ser mais agradecidos: reconhecendo o favor de Deus, deixando-nos orientar por ele, partilhando mais com os necessitados, honrando o nosso Deus e Senhor com o nosso louvor, o nosso canto, a nossa adoração.

Na época da colheita, ele mandou um empregado aos agricultores para receber a sua parte dos frutos da vinha (Mc 12, 2).

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
nessa tua história de hoje, a parábola dos vinhateiros, disseste que o dono da vinha mandou seu único filho para receber a parte do arrendamento. Sabemos que és tu que vieste. Tu és o filho unigênito que o Pai nos enviou. O que está na parábola foi o que te aconteceu: “Então agarraram o filho, o mataram e o jogaram fora da vinha”. Hoje, me dou conta que rendeiro (a rendeira) sou eu também. Eu quero, hoje, com a tua graça, reconhecer que é o Pai o dono da minha vida e te acolher como o filho único, o herdeiro, enviado pelo Pai. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Deixe que a palavra caia no seu coração, que crie raízes. Só assim produzirá frutos. Escute a mesma palavra mais de uma vez, durante o dia. A palavra é uma comunicação de Deus. Não é uma receita de obrigações a fazer para nos dar bem. É uma declaração de amor de Deus por nós. 

Comunicando

Na Segunda Bíblica de hoje, mais um encontro de estudo sobre o Livro do Profeta Ezequiel, em meu canal do Youtube. É a 3ª aula do segundo módulo. Mais de 3.000 pessoas estão acompanhando o curso. Quem não pode participar do encontro das segundas-feiras, às oito e meia da noite, o faz depois, durante a semana. Você, por favor, não fique de fora. 

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb


Aproveite agora para se inscrever no canal e marcar o sininho:   https://youtu.be/LdvKlS93Nv4?si=9hfQWP9RHD2VRwei

20 comentários:

  1. Anônimo3/6/24 06:00

    O senho e meu pasto e nada mim faltará bom dia a todos amém

    ResponderExcluir
  2. Senhor Obrigado por tudo que tenho e sou.Livra_nos Deus de todo o mau que nos rodea.Proteja a minha casa minha família e amigos.Que reine a paz no mundo inteiro.Amém

    ResponderExcluir
  3. Padre João Carlos a sua benção em nome de Jesus Cristo eu te peço.
    Quê DEUS conforte os corações do povo do Rio grande do Sul 🙏❤️ dando paz constante e muita fé em Deus prá seguir em frente e acalmar seus corações.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo3/6/24 07:29

    Que o senhor deixa nossas vidas se transformar a serviço de Deus que possa estar sempre presente em nossas vidas de cristão e fazer com que possamos compreender e compartilhar suas palavras. Bom dia

    ResponderExcluir
  5. Anônimo3/6/24 07:49

    Bom dia!¡Obrigado meu Deus por mais um dia,por mim abençoar todos dias com tuas palavras..Amém

    ResponderExcluir
  6. Delânia Tavares3/6/24 07:50

    Bom dia.
    Senhor, retira de mim todo desejo de posse material, ajuda-me a compreender mais e mais a cuidar da vinha que me deste. Pai, seja feita a tua vontade.
    Assim seja!

    ResponderExcluir
  7. Anônimo3/6/24 08:21

    Bom dia padre, Deus nós abençoe a mim eneus filhos Lucas e Gabriel e vida minha família e gratidão por tudo. Abençoe missa semana nis livra de todo o perigo , amém

    ResponderExcluir
  8. Anônimo3/6/24 08:59

    Bom dia Pe João Carlos, sua benção, que Deus nos ajude a cuidar mais a nossa vinha que tu nos destes, que Deus ajude-nos a mim e a minha família a sermos gratos por nossa vida com saúde, paz e fé . Amém 🙏 amém

    ResponderExcluir
  9. Anônimo3/6/24 09:03

    Bom dia padre, sua benção. Como é fácil entender a palavra de Deus,tudo bem explicado e verdadeiro,por isso que não dá para esquecer,JESUS, deixa tudo as claras. É muito lindo tudo o que ELE enscinou,difícil é de esquecer, há Jesus como te amo, amém.

    ResponderExcluir
  10. Anônimo3/6/24 09:07

    PAI! Eu te amo e tento ser uma pessoa que cumpre teus mandamentos. Muitas vezes claudico porque meu coração está muito ferido e meu corpo com algumas doenças. Mas eu só tenho a TI para recorrer porque confio em vós. Recuperai minha saúde e de meu filho Ivan. Abençoe o relacionamento de meu filho e nora que está estremecido por falta de amor. Te rogo oh PAI. AMÉM 🙏

    ResponderExcluir
  11. Anônimo3/6/24 09:11

    Nossa família é a nossa vinha mais preciosa , esposo , filhos , nossos pais e irmãos de sangue , os mais próximos são tbm herança do senhor em nossas vidas. O amor de Deus por nós é infinito , Ele conhece a cada um de forma particular e íntima. Senhor cuida de nós nossa família e as famílias do mundo inteiro, que possamos como herdeiros seus cuidar de nossa vinha com amor , verdade , sinceridade e retidão . Gratidão senhor por seu Amor.

    ResponderExcluir
  12. Anônimo3/6/24 09:13

    Ass: Lucinéa Ferrari -Dourados MS

    ResponderExcluir
  13. Anônimo3/6/24 10:12

    Bom dia. Paz e bem. Que linda meditação da palavra de Deus

    ResponderExcluir
  14. Glória a Vós Senhor!
    Ao Jesus contar esta parábola, os sumos sacerdotes na hora se sentiram desafiados, e mais uma vez falou mais alto o orgulho humano, ou seja melhor dizendo, como era possível eles escutar conselhos de um humilde homem, para eles não tinha cabimento, pois eram os homens da lei, acreditavam que como anciões sabiam de tudo, más claro se enganaram mais uma vez.
    Porque Jesus reagiu mais uma vez da forma mais calma possível, confirmando que a pedra deixada de lado se tornou a mais importante, compreendemos na fé que é a Pedra angular é o Messias, que como Cristãos seguidores também devemos fazer a diferença, nos esforçando para sermos exemplos, Cristãos autênticos, justos e verdadeiros, Sal da terra e luz para o mundo.
    Não podemos agir como esses agricultores, o Dono da vinha já viajou e de tempos manda seus enviados, já vieram os profetas, já mandou o seu próprio Filho o Herdeiro e como estamos recebendo, pois sabemos do cumprimento da profecia: A Pedra que os construtores deixaram de lado, tornou-se a pedra mais importante; isso foi feito pelo Senhor e é admirável aos nossos olhos’?”

    ResponderExcluir
  15. Anônimo3/6/24 12:30

    Boa tarde abençoada para todos nós!
    Deus existe e é o dono de nossa vida, ELE está presente, em nosso interior e, ao nosso redor. Gratidão a Deus por tudo!
    Aidael Andrade Bezerra

    ResponderExcluir
  16. Boa tarde a todos e obrigada pela meditação Padre João Carlos. Agradeço a Deus por tudo que nos dá todos os dias, em especial a saúde. Peço saúde para mim e toda minha família, filhos, netos, genros e nora e para todos. Senhor aumenta sempre a minha fé e dá muita força e coragem à minha filha mãe do Bento amém.

    ResponderExcluir
  17. Ó Pai, que resumistes toda a lei no amor a Deus e ao próximo, eu LHE agradeço pela vida de São Carlos. No entanto, me ensine seguir o caminho do conhecimento, do amor fraterno, do autodomínio, da caridade, da perseverança, da fé, da libertação, da graça, da paz, da vida, da piedade e da virtude. Me ensine glorificá-Lo. Me ensine lutar contra o pecado, a corrupção e a concupiscência. Me ensine vencer o sofrimento e o medo. Me ensine ter bons pensamentos. Me ensine construir a minha vida sobre a pedra angular. Isso eu LHE peço em nome de Jesus Cristo. Amém.

    ResponderExcluir
  18. Anônimo3/6/24 18:35

    Obrigada Deus, Boa noite pra todos

    ResponderExcluir
  19. Mara Feijó3/6/24 18:36

    Boa noite padre João Carlos

    ResponderExcluir
  20. Anônimo3/6/24 18:57

    Eu creio senhor mais aumentai a minha fé

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@gmail.com ou o whatsapp 81 3224-9284.

Postagem em destaque

A fé que vence o medo.

   23 de junho de 2024.       12º Domingo do Tempo Comum.       Evangelho.   Mc 4,35-41 35Naquele dia, ao cair da tarde, Jesus disse a seus ...

POSTAGENS MAIS VISTAS