09 março 2014

Um programa de revitalização

Aposto que você gostaria de poder reservar um tempo especial na sua vida para fazer um aprofundamento de sua fé! Um período intensivo de treinamento do que é ser cristão. Aposto que você aplaudiria se a Igreja reservasse um tempo especial para ajudar os cristãos a aprofundarem o seu compromisso com Cristo! Uma espécie de tratamento intensivo para renovar em cada um a graça do batismo.

Pois fique sabendo, que esse tempo existe. E que ele é uma espécie de programa intensivo para a gente aprender a ser cristão; para conhecer melhor Jesus Cristo. Para escutar melhor seu apelo de conversão. Fique sabendo que a Igreja marca no seu calendário, cada ano, 40 dias de esforço intensivo de renovação de cada membro, de cada comunidade. Estou falando da Quaresma.

Quaresma, sim senhor. Quarenta dias de duro treinamento para a vida cristã. Tempo marcado no calendário da Igreja para ser um grande retiro das comunidades cristãs, em preparação para a Páscoa. Tempo de esforço e compromisso. É por isso que se fala de jejum, de partilha, de oração. Jejum e abstinência de carne para disciplinar o corpo e exercitar a solidariedade. Partilha do que temos com quem tem menos do que nós, como exercício de fraternidade. Oração para mover o coração para os grandes apelos de Jesus: a conversão, o perdão, o amor ao próximo. É a quaresma, um tempo de exercício para viver a fé com maior convicção e responsabilidade.

Jesus ficou no deserto rezando e jejuando por quarenta dias. Foi uma quaresma de atenção à vontade de Deus, de renúncia a tudo o que se opusesse ao projeto de Deus. Só assim ele ficou com a força e a disposição necessárias para enfrentar sua missão. Começou enfrentando as tentações, vencendo o diabo. Foi assim que com a força do Espírito Santo, ele começou a anunciar o Reino de Deus ao povo.
Se você está precisando de um programa especial para reforçar sua consciência de discípulo de Jesus, para discipliná-lo(a) na vida cristã, aí está uma excelente proposta: a quaresma. Entre de cabeça. Abrace as propostas de crescimento desse tempo de graça. Um compromisso muito sério será ouvir a Palavra de Deus, de maneira mais frequente e assídua. Ler a Bíblia todos os dias, em casa, indo para o trabalho, numa pausa de tempo, ou mesmo num final de semana. Tomar contato com o livro santo, aprender o caminho de Jesus, para segui-lo com mais amor. Ler a Bíblia, ouvir a palavra de Deus, é um dos grandes compromissos desse tempo de quaresma.

Em cada quaresma, a Igreja programa uma área da vida em que podemos concentrar nossos esforços na direção da fraternidade. Faz isso para abrir o nosso coração para o coletivo, para o comunitário, para os irmãos e as irmãs. Para formar-nos para a solidariedade, para a cidadania. Neste ano, estamos todos atentos ao fenômeno do tráfico humano.

Se você está com uma vida cristã fraquinha, debilitada, é hora de fazer uma boa quaresma. Não perder um só dia. Ler a Palavra de Deus diariamente, frequentar a Igreja ao menos todo domingo, fazer seus exercícios de jejum e caridade e dedicar-se diariamente a momentos mais longos de oração pessoal. Esse é o programa de restabelecimento, de fortalecimento, o programa da quaresma. Não deixe passar essa oportunidade!

Pe. João Carlos Ribeiro 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você, o que pensa sobre isso?