Meditação da Palavra

04 novembro 2012

Juventude na Igreja

A pastoral de juventude reúne os grupos de jovens cristãos numa caminhada comum. Ela é feita pelos próprios jovens e seus assessores. Assessor ou assessora é o jovem de maior caminhada ou o adulto que está ao lado dos grupos acompanhando-os com sua experiência.

A pastoral de juventude se organiza em cada comunidade, paróquia, diocese, região e até em nível nacional. Na verdade, existem várias pastorais de juventude, segundo seu ambiente específico: PJMP (Pastoral de juventude do meio popular), PJR (pastoral de juventude rural), PJE (pastoral de juventude estudantil), entre outras... ou apenas PJ  (pastoral de juventude), sem especificação. Dentro da pastoral de juventude, existem diferentes tipos de grupos e movimentos. Existem grupos que se dedicam, por exemplo, à arte como a música, a dança ou o teatro. Existem grupos de estudantes ou de jovens de comunidade ou paróquia. Os grupos querem ajudar os jovens a aprofundarem a sua fé em Jesus Cristo e exercitarem o seu compromisso na Igreja e na sociedade. Os movimentos fazem também parte da pastoral da juventude. São grupos ligados a diversas espiritualidades, como a JUFRA (Juventude Franciscana), GEN (Geração Nova, segundo a espiritualidade dos focolarinos), MEJ (Movimento Eucarístico Jovem), etc.

É aqui que entra a AJS. É que dentro da pastoral de juventude, a família salesiana organizou a AJS (Articulação da Juventude Salesiana). Na verdade, a AJS não é, nem quer ser, propriamente um movimento. É uma articulação, uma forma de animação. Da AJS participam os grupos que respiram a espiritualidade juvenil salesiana. Espiritualidade é um modo de viver e crescer na fé. O carisma de Dom Bosco desenvolveu um estilo próprio de educação e de evangelização dos jovens, o estilo salesiano. Chama-se "salesiano" por causa de São Francisco de Sales, a quem Dom Bosco tomou como inspirador de sua obra educativa.

Da AJS fazem parte grupos jovens das obras salesianas e grupos de outros ambientes também. A AJS está organizada em todo o Brasil e em muitos outros países. No Nordeste, a AJS está presente em diversas cidades, com muitos grupos participando. Entre as suas atividades, os jovens salesianos realizam festivais, vigílias, encontrões e romarias. As Romarias Jovens, no Nordeste, acontecem em diversas cidades: Recife, Natal, Maceió, Fortaleza, Carpina, Matriz de Camaragibe, Juazeiro do Norte e Petrolina. Nas Romarias, os jovens vão às ruas celebrar um tema, movimentando muita gente e marcando presença na avenida, com muita vibração e alegria. Em cada Romaria, os jovens aprofundam um tema que os ajuda no seu caminho de crescimento na fé e no compromisso. Neste ano, as romarias celebraram a Mãe de Jesus, com sua mensagem de vida e sua condição de educadora de Jesus. "Com Maria, escutemos o grito dos jovens" foi o lema que ecoou pelas ruas. 

Quando vai chegando o final do ano, a AJS realiza uma atividade que coroa todo o caminho pastoral do ano, o Festival da Juventude Salesiana. Neste ano, em Recife, o festival vai reunir 1.100 jovens dos oito estados nordestinos onde atua a família salesiana. "Juventude e Vida" é o tema do evento, com o lema tirado da Carta aos Filipenses "Viver pra mim é Cristo" (Fl 3, 24). Jovens dos quatro cantos da região estão arrumando as malas para esse grande evento. É a pastoral de juventude mobilizando os jovens para uma vida cristã de qualidade. É a família salesiana acertando o passo com a evangelização da juventude.

Pe. João Carlos Ribeiro