20200809

QUANDO VOCÊ ESTIVER AFUNDANDO


Mas, quando Pedro sentiu o vento, ficou com medo e, começando a afundar, gritou: “Senhor, salva-me!” (Mt 14, 30)

09 de Agosto de 2020

Você já ouviu alguém dizendo assim: “estamos navegando num mar de problemas e dificuldades”. Já ouviu? O que significa isso, “estamos navegando num mar de problemas e dificuldades”? Nesse modo de falar, navegar aqui é viver e o mar está identificado com problemas que se está enfrentando, certo? E se alguém disser: “mas, apesar do mar revolto, nós vamos conseguir atravessá-lo”, você entende? Claro, significa vamos vencer, mesmo passando por todas essas provações.

Bom, se estamos nos entendendo até aqui, vai dar pra gente entender bem o evangelho de hoje. Havia terminado aquela grande refeição com pão e peixe no deserto e Jesus mandara os discípulos atravessar o mar para irem a outra cidade. E ele ficou despedindo o povo. Depois, foi ao monte para rezar. De madrugada, foi ao encontro dos discípulos. Os discípulos estavam com muita dificuldade na travessia, porque os ventos estavam contrários. De madrugada, viram um vulto vindo para o lado deles, andando sobre as águas. Tiveram muito medo, acharam que era um fantasma. Jesus gritou de lá dizendo “Sou eu”, para eles não terem medo. E Pedro pediu para ir ao seu encontro andando sobre as águas. Até conseguiu. Mas, o vento o deixou com medo e ele começou a afundar. Pediu ajuda e Jesus o segurou pela mão. Entraram na barca e os ventos se acalmaram.

Agora, vamos recordar aquele momento da história do povo de Deus, na travessia do mar vermelho. Os soldados do faraó estavam chegando. Diante deles, só o mar. E eles, liderados por Moisés, com a assistência de Deus, entraram no mar e o atravessaram a pé enxuto. Eles venceram as águas. Fizeram a travessia daquele braço de mar, assistidos por Deus que separou as águas, as mesmas águas que acabaram por dificultar a perseguição dos soldados e até afogar cavalos e cavaleiros. Repita comigo: O povo de Deus atravessou o mar a pé enxuto, com a graça de Deus, venceu as águas.

Vamos voltar para o mar da Galileia, o grande lago em que os discípulos estão navegando à noite. Jesus os mandara atravessar o mar, na barca. Os ventos estão fortes e contrários. A vela rudimentar e os remos não estão dando conta. Três horas da manha e ainda não chegaram nem na metade. Que missão difícil Jesus deu aos discípulos: atravessar o mar numa hora daquela! Que missão difícil Jesus nos deu para atravessar o mar numa hora como essa... Essa qual? A hora do novo coronavírus, a hora do desemprego e da fome, a hora do drama dos migrantes e refugiados, da religião sem compromisso, a hora dos desgovernos e da violência. Os ventos estão contrários.

Numa hora como essa, tudo passa pela cabeça: ‘Vamos afundar’. ‘É melhor a gente desistir, vamos voltar’. ‘Não tem jeito, não temos força’. ‘Estamos perdidos. Os discípulos pensaram isso mesmo. Com a morte de Jesus, a dificuldade deles estava muito grande, com toda a oposição que sofriam e pela sensação de abandono: ‘Jesus morreu como malfeitor, não está mais com a gente’. Mas, quando tudo parecia perdido, aconteceu o inesperado para eles: Jesus ressuscitou. E lhes apareceu várias vezes. E eles até pensaram que era um fantasma. É isso que a cena de Jesus andando sobre as águas está nos dizendo: Jesus ressuscitado vem ao encontro dos seus discípulos, de sua Igreja. Não é um fantasma. É ele mesmo, vivo, glorioso. Ele manda nos ventos, ele acalma o mar. É ele que nos garante atravessar o mar, vencer as águas. Repita comigo: Os discípulos conseguem atravessar o mar, porque Jesus ressuscitado está com eles. É isso. A Igreja consegue realizar a sua missão, nessa travessia tão dolorosa, porque Jesus que já venceu as forças que se opõem ao Reino, está conosco.

Guardando a mensagem

O povo hebreu, assistido por Deus, atravessou o mar vermelho a pé enxuto. Venceu as águas que pareciam impedir que chegassem ao seu destino, à liberdade. Os discípulos na barca, imagem da Igreja, continuam a experimentar a ação de Deus no meio das dificuldades da travessia em todos os tempos. Jesus ressuscitado é quem garante a vitória sobre os ventos contrários que ameaçam naufragar a barca. É Jesus mesmo que ergue, pela mão, discípulos como Pedro que, com sua pouca fé, estão afundando. Jesus está vivo e vitorioso. E está conosco. A barca de Pedro vai chegar ao seu destino, apesar da oposição dos maus, dos inimigos que semeiam joio na calada da noite e apesar também da nossa fé tão pequena.

Mas, quando Pedro sentiu o vento, ficou com medo e, começando a afundar, gritou: “Senhor, salva-me!” (Mt 14, 30)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Neste início da Semana Nacional da Família, nós, nos parecemos com Pedro. São tantas as situações difíceis que enfrentamos na família e no mundo, nesse momento, em nossa travessia, que muita gente se desespera. E, mesmo tua presença, Senhor, nós a vemos muito longínqua, como a de um fantasma, um que já morreu. Senhor, no evangelho de hoje, percebemos tua presença vitoriosa entre nós. Tu és a garantia de que chegaremos ao nosso destino, que realizaremos bem a nossa missão. Senhor, toma-nos pela mão, quando estivermos afundando, em nossa falta de fé. Salva-nos, Senhor! Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Hoje, nos cabe um olhar de esperança sobre este mar de dificuldades que nos cerca. Em vez de se lamentar, acender a luz da fé para clarear a escuridão dessa noite. Particularmente, hoje reze pelos pais de sua família, pedindo a Jesus que segure pela mão os que parecem estar naufragando.

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb 




22 comentários:

  1. Todos temos um pouco de Pedro.Quem nunca afundou nas fraquezas em momentos de tensões?Sentir que vamos afundar, perder literalmente a fé faz parte do processo de
    desenvolvimento cristã, depois vêm a calmaria.Sabemos que sempre houve momentosp em que fé fica abalada, isso não garanto que estamos imune as tempestades que nos arrasta,da correnteza que leva nossas vidas.Mamento de profunda meditações ativas nossa espiritualidade, amadurecer é um caminho longo requer tempo.Com certeza chegaremos nas mais profundas da Cristã.

    ResponderExcluir
  2. Muito feliz com essas palavras sábias do evangelho que senhor abençoe sempre padre e continue nos proporcionando momentos com Jesus Deus lhe abençoe sempre bjsss

    ResponderExcluir
  3. Boa noite !padre joão carlos ...deus e fiel o meu paizinho esta no céu.mais desejo um lindo feliz dia dos pais para todos vcs.aprovete quem te o seu o meu deixo boas lembranca ,mais sua vida foi tira só hoje sei com e dificil corre atrás da estrada da vida.

    ResponderExcluir
  4. Bela homilia. Palavras que atingem o coração e nosso ser.

    ResponderExcluir
  5. Somos fracos padre em alguns momentos perco a fé, mas chamo por Deus e ele na sua misericórdia sempre me acolhe é muito difícil uma mãe perder seu filho é um grande vazio que tomou conta do meu coração estou sem chão e o.que me ajuda são as orações e o terço que rezo todos os dias com o meu esposo.Não posso fraquejar tenho que seguir até o dia que Deus permitir.Boa noite e muito obrigado.

    ResponderExcluir
  6. Linda homilia neste evangelho de hoje. Eu vivi ele na reflexão

    ResponderExcluir
  7. Pe. Videlson9/8/20 07:00

    Grato por esta bela mensagem que renova nossa esperança.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Bom dia padre João Carlos e muito bom ter a palavra de deus que o senhor manda pra todos nós le todas a manhã já a corda com palavras do senhor meu Deus amém 🙌🙌🙌 tenha todos dias o lindo dia 🌹🌹🌹🌹

    ResponderExcluir
  9. Quero lembrar um profeta que viveu e doou sua vida pelo anúncio do reino de Deus: Dom Pedro

    ResponderExcluir
  10. Bom dia padre, bom dia a todos. Sábias palavras as suas. Combustível para superarmos todas as adversidades. Deus sempre conosco. Parabéns aos pais. Ótimo domingo a todos

    ResponderExcluir
  11. Meu Senhor e meu Deus, seja conosco incessantemente, renova nosda Fé, segira nossa mão, conduz-nos Senhor a estamos contigo. ABENÇOA Senhor o Pe. Carlos.Ele e lus para os corações abatidos.Obrigada por esse dia, por cuidar de nós.Amém.Paz e Bem! Frliz dia dos Pais. Converte-os.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia padre João Carlos que Jesus nos ilumine não podemos desiste de Jesus

    ResponderExcluir
  13. Boa dia padre João Carlos
    E uma bela reflexão essa se hoje e como está acontecendo nesse exato momento mas o senhor Jesus Cristo vai nós conceder a vitória eu creio.

    ResponderExcluir
  14. Pai pai meu pai do céu. Maria Emilia

    ResponderExcluir
  15. BOM DIA . PADRE . JOÃO CARLOS LINDA REFLEXÃO . NÓS VAMOS CONSEGUI ATRAVESSAR O QUE ESTÁ ACONTECENDO NO MUNDO ESSE VÍRUS DO MAL PRA TANTOS IRMÃOS EM CRISTO . EU TENHO FÉ VAI PASSAR . AMÉM 🙏

    ResponderExcluir
  16. BOM DOMINGO padre João Carlos, neste dia em que se comemora o dia dos pais,o meu carinho a todos os nossos sacerdotes, que vivem nos cuidando com carinho amoroso de um pai e nos orientando na FÉ, para que não nos percamos em nossa caminhada diária. obrigada. sua bênção.

    ResponderExcluir
  17. Bom dia padre João Carlos que o senhor tenha um ótimo Domingo abençoado e iluminado.
    Feliz dia dos pais,o senhor faz esse papel também, ouvir,compreende e auxiliar suas ovelhas, meu bom pastor
    Eu já falei para o senhor que o senhor tem bastante filhos, pode não se recorda mais já falei 👏🙌🎁😇🌟🌟🌹
    Jesus se aproximar de nós quando estamos afundando no medo,na insegurança,nos problema, quando a fé está fraca.
    Ele diz coragem não tenha medo eu sou o Deus do impossível,ele
    nós sustenta.
    Feliz é aquele que confiar no Senhor.
    Eu te agradeço por nunca nos abandona.
    Meu Deus, eu não tenho mais meu
    Pai na minha presença, mais ele está pertinho de vós.
    Meu pai o senhor vive no meu coração, estou lembrando sempre dos nossos momentos juntos, saudade.🙌😍😘🌹💕

    ResponderExcluir
  18. Anônimo9/8/20 14:17

    Boa tarde Padre João Carlos. Que a paz e a felicidade façam morada em seu coração e todos os seus caminhos sejam tranquilos.
    Senhor, no evangelho de hoje, percebemos tua presença vitoriosa entre nós. Tu és a garantia de que chegamos a nosso destino,que realizaremos bem a nossa missão. Senhor, toma-nos pela mão, quando estivermos ajudando, em nossa falta de fé. Salva-nos, Senhor!!!. Que Deus abençoe o nosso domingo.
    Ester de Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  19. Bela meditação
    Boa tarde Padre João Carlos e que Jesus nos ilumine hoje e sempre amém

    ResponderExcluir
  20. Sobressai nesta passagem a figura de Pedro, que lembra a cada um de nós,nas grandes crises , não damos conta da gloriosa presença de Jesus em nosso meio , e por isso pedimos um sinal de estás conosco.
    Mais quando vemos estes sinais ,nossa fé deve crescer e não ser paralisada, porque ELE continua fiel á missão de nos socorrer em todas as nossas necessidades.
    Que O SENHOR Jesus venha abrir nossa visão para obedecer os seus mandamentos ,com os nossos olhos fixos em Jesus Cristo ,lembrando que somos vencedores com ELE,por ELE e que nada venha estragar o nosso relacionamento com O SENHOR Jesus.

    ResponderExcluir
  21. Pai santo e fonte de toda santidade, eu LHE agradeço por todos os pais. Contudo, me conceda a graça de viver o meu profetismo batismal. Me conceda a graça de obedecê-Lo diuturnamente. Me conceda a graça de falar somente a verdade. Me conceda a graça de ser guiado pelo divino Espírito Santo. Me conceda a graça de bendizê-Lo e adorá-Lo para sempre. Me conceda a graça de ser VOSSO discípulo missionário. Me conceda a graça de orar santamente. Me conceda a graça de vencer o sofrimento com fé e coragem. Isso eu LHE peço pela intercessão de Jesus Cristo, VOSSO querido filho e meu amado REDENTOR. Amém.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.