12 junho 2020

A SANTIDADE DA CAMA

Não cometerás adultério (Mt 5, 27)
12 de junho de 2020.
Nós, seguidores de Jesus, acolhemos, com gratidão, a Lei da Aliança que Deus deu a Israel. No Sermão da Montanha, Jesus tomou alguns pontos da Lei e os explicou, aprofundando o nível de exigência no seu cumprimento.  Na observância dos mandamentos, ele acentuou duas coisas: que seja expressão de nossa aliança com Deus e do respeito e do amor que devemos ao nosso próximo.
Não cometer adultério. É um dos mandamentos da Lei que Deus deu ao seu povo, no Sinai. Nesse assunto do adultério, que toca tanto o homem como a mulher, Jesus, de maneira especial, tomou a defesa da mulher. A Lei ordena: “Não cometerás adultério”.  Perfeito. Mas, não cometer adultério é também não desrespeitar a mulher com um olhar malicioso ou expor a esposa ao adultério ao mandá-la embora de casa.
O evangelho de Jesus exalta o casamento, como participação no amor de Cristo e da Igreja. Anuncia a indissolubilidade desse laço que une homem e mulher, segundo o propósito de Deus. Abençoa o esforço de fidelidade dos esposos e o seu compromisso com a geração e a educação cristã dos  seus filhos. Repreende, portanto, o adultério, a traição e a vida conjugal sem entrega e sem compromisso.
Vivemos hoje em uma sociedade pluralista, com muitas opções sendo pregadas e defendidas. Nem todo mundo acredita nas mesmas coisas que nós acreditamos. O nosso modo de ver a família, o casamento, a vida sexual, como também a vida social, a economia, o trabalho, tudo isso encontra cada dia mais resistência e oposição. O ensinamento de Jesus e da Igreja é criticado, desprezado, rejeitado, por vezes.
Os valores que defendemos estão alicerçados na Palavra de Deus e na Tradição viva da fé. Não são invenções do Papa, dos padres ou de algum movimento religioso reacionário. Defendemos a vida, desde sua concepção até a sua morte natural. Não estamos de acordo com a promiscuidade sexual. Pregamos a castidade de solteiros e casados. Não temos dúvida que o verdadeiro casamento só pode acontecer entre homem e mulher. São valores, são princípios, são bandeiras que nascem de nossa fé, enraizados na revelação bíblica e no ensinamento dos apóstolos de ontem e de hoje.
Que não pensem igual a nós, tudo bem. O desastre será se nós, por conta de opiniões contrárias, renunciarmos ao modo cristão de ver a vida e o mundo. Triste será se os cristãos esquecerem sua fé, desprezarem os ensinamentos de Cristo e embarcarem na onda forjadora de opinião dos grandes meios de comunicação e de grupos de pressão social. Já pensou se os cristãos trocarem o evangelho pela pregação que fazem hoje as novelas contra a família, contra o casamento, contra a santidade da vida sexual?
Guardando a mensagem
Um seguidor de Jesus, nesta sociedade em plena crise de valores, não pode ser uma pessoa que pensa com a cabeça dos outros e edita sua opinião, segundo os ventos da moda ou da pressão social. São Paulo foi bem claro: "Não se conformem com esse mundo, mas transformem-se, renovando sua maneira de pensar e julgar, para que possam distinguir o que é da vontade de Deus, a saber, o que é bom, o que lhe agrada, o que é perfeito" (Romanos 12,2). Está claro demais. Não se conformar a esse mundo, isto é, não assimilar suas fraquezas e seus defeitos, não se moldar à sua imagem, mas antes, transformar-se, assimilando uma maneira de pensar e de agir de Deus. E isso vale particularmente para a nossa compreensão do casamento entre o homem e a mulher, o dom da sexualidade e a santidade da vida conjugal.
Não cometerás adultério (Mt 5, 27)
Rezando a palavra
Senhor Jesus,
Ser cristão da porta da Igreja pra dentro até que não é tão difícil. Agora, ser cristão da porta da Igreja pra fora, aí a coisa se complica. O mundo tem uma pregação sobre a família: cada dia mais destrói as suas bases e os seus fundamentos. E muitos cristãos casados embarcam no mundo da infidelidade ao leito conjugal, no adultério. E jovens cristãos aventuram-se a coabitar, em completo desrespeito à sua vocação de esposos e pais. Tu, Senhor, nos alertaste que o adultério começa com o olhar malicioso, o linguajar  obsceno, o desrespeito à mulher. Dá, Senhor, que os irmãos e irmãs unidos pelo matrimônio, santifiquem o seu leito conjugal, procurando, na tua graça, viver o amor verdadeiro, que pede comunhão, paciência, diálogo, perdão. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.
Vivendo a palavra
Sendo hoje o dia dos namorados, quem sabe se não vai lhe aparecer uma oportunidade para você expressar o pensamento cristão sobre o matrimônio, sobre a sexualidade...
Pe. João Carlos Ribeiro, sdb

16 comentários:

  1. Jesus Cristo sempre foi um defensor das mulheres e através de suas ações e palavras Santas percebia que a sexualidade naquela época como hoje escravizavam parte da sociedade,ele explicou da importância do matrimônio noqno seria o critério essencil para construir um relacionamento sólido: Não cometer adultério foi citado para nos reinventar como seres humanos com ligações divina para com o outro, amar o próximo como a se mesmo é a lei que rege os princípios dos cristãos que deseja esse elo eterna ma presença de Deus naquela época como hoje escravizavam e continua levando o sexos como sem compromisso, pois por causa desses pensamentos deformado que que nossa sociedade agradece as mulheres que obeserva sabiamente como nos podemos dá o verdadeiro sentido a vida sagrada através de um sexo responsável baseado no princípio da vida eterna,viver como anjo ou seja respeitar a vida de todos,mesmo porque há homem que se tornaram escravos de uma vida promíscua também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei do seu comentário sobre se expressar meu parabéns Maria Izabel

      Excluir
  2. Jacinta Maria de Fortaleza, ótima leitura mas o que eu digo a respeito do casamento ambos tem que se cederam e já tambem uma religião de irem a igreja esta juntos nos compromissos que venha participar não dormir sem pedir desculpas caso briguem amar a mesma religião ir juntos.🙏

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Padre João Carlos.
    SENHOR JESUS, reaviva minha Fé, renova minha esperança e me faça acreditar que nada e nem ninguém é maior do que o teu amor por mim.AMÉM!!!
    Padre João Carlos, desejo que o Espirito Santo de DEUS te abençoe e te proporcione saúde, paz e sabedoria. Tenha uma Ótima sexta-feira!!!
    Ester de Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  4. Amém padre João Carlos bom dia, obrigada pelas suas palavras tão lindas. Deus lhe abençoe.

    ResponderExcluir
  5. Que a paz de nosso senhor Jesus esteja com todos nós iluminando nossas famílias, dando vida longa ao nosso padre João Carlos... Amém!

    ResponderExcluir
  6. Amo demais ouvir suas reflexões Padre João Carlos.

    ResponderExcluir
  7. Amo demais ouvir suas reflexões Padre João Carlos.

    ResponderExcluir
  8. Boa dia padre João Carlos que hoje seja um dia iluminado para o senhor que papai do céu te abençoe e te proteja 🙌😇🌟🌟🌟🌹🌹💕
    Que não ama demais não ama o bastante.
    Amar é dar tudo que somos, oferecer tudo que temos e tudo que fazemos para construir a felicidade de quem amamos.
    Porque vai desanimar, pelo que
    fizeram a você.
    Siga em frente você há de vencer, continue sem desânimo, porque você é o único responsável por você, mesmo que fique sozinho.
    Confie no pai, vc jamais está abandonado
    🙋👏😍🌹🌹💕

    ResponderExcluir
  9. Que nenhuma família comece em qualquer e de repente que nenhuma família termine por falta de amor a sua bênção Pe João Carlos Boa tarde a todos Deus abençoe a todas famílias Francisco Taubate SP

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde padre João Carlos obrigada pela reflexão.

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde Padre João Carlos Linda reflexão, que Deus te ilumine e proteja sempre.

    ResponderExcluir
  12. Boa noite padre João Carlos pela reflexão e sabedoria que Deus te abençoe derrama muitas bênçãos saúde paz e amor.

    ResponderExcluir
  13. Pai Eterno e Todo Poderoso, eu LHE agradeço por todos os namorados que são fiéis ao seu amor. Contudo, me ajude viver o meu profetismo batismal. Me ajude obedecê-Lo com sinceridade. Me ajude arder de zelo por Jesus. Me ajude ser fiel a minha unção e a santa aliança. Me ajude vencer o sofrimento. Me ajude ser VOSSO discípulo missionário. Me ajude fugir do pecado. Isso eu LHE peço pela intercessão de Jesus Cristo, VOSSO querido filho e meu amado SALVADOR. Amém.

    ResponderExcluir
  14. Bom dia padre João Carlos so hoje estou dando um olhadinhapq esses três dias estou sobre o efeito de quimiterapia pois não tenho animo de nada e obrigado pela sua reflequiçao e uma pena agente sabe q o adulterio existe pq muitos querem imitar as novelas eu so graça Queiroz de fortaleza

    ResponderExcluir
  15. Muito bom o evangelho meditado e ainda pode ser partilhado com família e amigos Deus abençoe padre João Carlos.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.