05 março 2020

O NONO DEGRAU DA ESCADA

Peçam e lhes será dado! Procurem e acharão! Batam e a porta lhes será aberta! (Mt 7, 7)

05 de março de 2020

E a quaresma vai avançando. Já estamos no nono dia, o nono passo da escada de 40 degraus. Quando começamos esta caminhada, ouvimos três recomendações: a oração, a penitência e a caridade. A cada dia, a Palavra vai nos explicando melhor essas três práticas. Ultimamente, ouvimos Jesus nos indicando uma escola de oração, na prece do Pai Nosso. Uma prece com sete pedidos, três para a glória de Deus e quatro para o nosso bem.

Escutemos hoje, o próprio Senhor nos indicando a oração de súplica: “Peçam e lhes será dado! Procurem e acharão! Batam e a porta lhes será aberta!”. Bom, em matéria de pedir, nós já somos bem treinados, não é verdade? Mas, podemos aprender muito mais com o Senhor.

Em primeiro lugar, pedimos a quem? Eu queria muito ouvir sua resposta, pedir a quem? A Deus, claro. Melhor dizendo, ao Pai. A oração de Jesus e a oração dos seus seguidores dirige-se, em primeiro lugar, ao Pai. Ele é a fonte de todo o bem, ele é o Criador e Pai de todos nós. Claro, também pedimos a Jesus.

E por que o Pai nos atende? Porque é ele bom, primeira resposta. Jesus comentou: “vocês, que não são lá essas coisas, sabem dar coisas boas aos seus filhos, quanto mais o Pai dá coisas boas a quem lhe pede”. Por que o Pai nos atende? Porque estamos unidos a Jesus, o seu filho unigênito, segunda resposta. Desde o batismo, temos parte com ele, somos membros do seu corpo. Olhando para nós, o Pai nos reconhece seus filhos, unidos a Cristo, em comunhão com ele. Por que o Pai nos atende? Porque vivemos na fé, terceira resposta. “A fé é uma adesão filial a Deus, acima daquilo que sentimos e compreendemos” (Catecismo da Igreja Católica 2608). Pela fé, abrimos as portas de nossa vida para a ação de Deus.

E o que pedimos a Deus? A primeira coisa que pedimos ao Senhor, porque o amamos como nosso Deus e Pai, é a sua honra, a sua glória: “venha a nós o vosso Reino”. Em primeiro lugar, queremos que Deus seja amado, respeitado, obedecido. Esse é o primeiro desejo de um filho que venceu o impulso egoísta de apenas querer tirar proveito dos seus pais. A segunda coisa que pedimos ao Senhor, reconhecendo nossa fragilidade, são os bens necessários para a nossa vida e nossa realização: o trabalho, a saúde, a segurança, o perdão, a superação das adversidades. A terceira coisa que pedimos a Deus, como filhos na comunhão dos irmãos, é o bem dos outros, sobretudo dos mais frágeis e desprotegidos.

E como pedimos a Deus? Com a confiança de filhos amados. Com a humildade de quem reconhece não ter merecimentos, mas contar unicamente com a misericórdia e o amor do seu Pai. Com a perseverança da fé, sabendo que a provação purifica o coração. E em nome de Cristo, certos do que ele nos disse: “E o que vocês pedirem em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho” (Jo 14,13).

Guardando a mensagem

Jesus nos ensina a rezar. Hoje, nos estimula a fazer oração de súplica, a pedir, a bater, a procurar. Nós nos dirigimos, em súplica, ao Pai, mas também a Jesus. O Pai nos atende porque ele é bom, porque estamos em comunhão com Cristo, porque temos fé. Pedimos a Deus, em primeiro lugar, a sua glória; e depois, o nosso próprio bem e o bem dos outros, intercedendo em favor de suas necessidades. Pedimos, com confiança, com humildade, com perseverança e em nome de Cristo.

Peçam e lhes será dado! Procurem e acharão! Batam e a porta lhes será aberta! (Mt 7, 7)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,

Aprendemos a rezar, contigo, como os primeiros discípulos. Aprendemos com teus ensinamentos e, sobretudo, com o teu modo de rezar. Aprendeste com Maria e com José, e com tua comunidade de Nazaré, a rezar com o livro santo da Palavra de Deus. De tua comunhão com o Pai, brotava uma oração filial comprometida com a glória de Deus e a felicidade e salvação dos teus irmãos. Em todos os momentos de decisão, te encontramos rezando no Monte, deixando-te conduzir pelo Santo Espírito. Obrigado, Senhor, pelas lições de tua vida e de tuas palavras sobre a oração. Não podemos deixar de te recomendar, Senhor, as vítimas das chuvas em Guarujá e na baixada santista, em São Paulo, os que perderam a vida nos deslizamentos de barreiras e os que estão desabrigados. Ajuda-nos a ser um povo solidário, que exerce sua cidadania também em favor da moradia decente para todos, sobretudo para os mais sacrificados. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vamos viver a palavra

Repita, hoje, muitas vezes, como os discípulos, essa prece a Jesus: “Senhor, ensina-nos a orar!” (Lc 11,1).

05 de março de 2020.

Pe. João Carlos Ribeiro,sdb

13 comentários:

  1. Bom dia Padre João Carlos, muito obrigado pelas meditações tão Rica, para mim, agradeço a Jesus pela sua vida, Jesus, Maria e José, continuem abençoado sua MISSÃO tão linda. Senhor,ensina - me a orar, preciso estar sempre em oração, pela minha família, meus irmãos em Cristo,os Sacerdotes, Papa Francisco, Dom Fernando e pelo mundo inteiro. Jesus te abençoe Padre João Carlos,o Senhor é uma benção.🙌🙌

    ResponderExcluir
  2. Padre João Carlos, abençoado seja seu dia e de seus familiares, obrigada pela meditação que nos envia diariamente tão detalhada, para podermos nos fortalecer em nossa fé, rezamos ontem a noite na missa por todos vocês daí, GRATIDÃO sempre.

    ResponderExcluir
  3. Estou me tornando um entusiasta da ptientacao diaria. Obrigado pDre Joao Carlos.

    ResponderExcluir
  4. meu nome é ornilda soares sua bença padre João Carlos obrigado meu Deus todos dia mim em ensine a orar por mim e minha família amém 🙌🙌🙌

    ResponderExcluir
  5. BOM DIA PAZ E BEM padre JOÃO Carlos ore POR mim hj irei enfrentar uma injustiça do trabalho um funcionario

    ResponderExcluir
  6. Bom dia!
    É uma alegria imensa acordar e logo fazermos nossas orações com o senhor.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Padre João Carlos. Que seu dia seja abençoado, repleto do amor de DEUS. Obrigado, SENHOR pelas lições de tua vida e de tuas palavras sobre a ORAÇÃO. Peço-te, SENHOR, pelas vítimas das chuvas, principalmente por aqueles que perderam seus entes queridos. Ajuda-nos a ser um povo solidário com os mais sacrificados. SENHOR, ensina-nos a rezar ( Lc 11,1). Desejo um dia de paz e sabedoria para padre João Carlos e todos da AMA. Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  8. Obg por sempre está presente na minha vida padre João Carlos suas meditação são riquíssima eu amo demais

    ResponderExcluir
  9. Ó meu bom Jesus venho neste momento lhe pedir que nos ensina a rezar com humildade e também saber fazer os nossos pedidos para que possamos ser atendidos per Deus pai, como estamos no nono dia de nossa caminhada quaresmal, venho pedir por todos os catequistas das 14 paróquias da região de Carapicuíba SP para que possamos levar a verdadeira palavra de Deus aos jovens e adolescentes pela luz do evangelho .

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde padre João Carlos. O senhor Jesus, que disseste.O que eu peça a meu pai em seu nome ele concederá.Eu peço saúde, paz, harmonia,moradia digna,o pão de cada dia a todos que eu amo família, amigos e meus irmãos marginalizados. Assim seja amém 🙌🙌👏👏💙

    ResponderExcluir
  11. Senhor ensina me a orar.

    ResponderExcluir
  12. Boa noite padre João Carlos Deus lhe abençoe com saúde paz e que o senhor continui a nos trazer todos os dias a palavra de Deus tão bem transmitida, muito obrigada.Meu Jesus encina-nos a rezar pedindo primeiro que seja feita sua santa vontade o que eu mais precizo meu pai vós sabeis peço também pelo meus irmãos desabrigados famintos sofredores que perderam seus entes queridos Deus Pai Misericordioso console o coração destes nossos irmãos. Socorro Martins

    ResponderExcluir
  13. Obrigado padre João Carlos pelas lindas reflexões do evangelho isso tem mim fortalecido cada dia mais.
    Gratidão e Nosso bom Deus lhe cubra de bênçãos , padre sou uma filha de Deus ,então sou casada a 5 anos e o meu sonho é ser mãe , mas nunca consegui engravidar eo o meu esposo se chama Gutem Berg também ele quer muito ser pai .
    Mas tem algo que nos impedem de gerar uma gestação que eu desconheço.
    Já pedir para meu esposo fazer os exames é ele se recusa pois eu já fiz os meus e os médicos dizem que não ver impossível não

    Então padre peso que o senhor mim ajude com suas opções ....
    Mim chamo Anicacaia Silva de Santana

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.