20210606

CIDADÃOS E CIDADÃS DO REINO


07 de junho de 2021

EVANGELHO


Mt 5,1-12

Naquele tempo, 1vendo Jesus as multidões, subiu ao monte e sentou-se. Os discípulos aproximaram-se, 2e Jesus começou a ensiná-los:
3“Bem-aventurados os pobres em espírito, porque deles é o Reino dos Céus. 4Bem-aventurados os aflitos, porque serão consolados.
5Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra. 6Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados.
7Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia. 8Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus.
9Bem-aventurados os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus. 10Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos Céus.
11Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem, e, mentindo, disserem todo tipo de mal contra vós, por causa de mim.
12Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus. Do mesmo modo perseguiram os profetas que vieram antes de vós.

MEDITAÇÃO


Os discípulos aproximaram-se e Jesus começou a ensiná-los (Mt 5, 1-2).

São quatro ações de Jesus descritas na abertura do Sermão da Montanha (Mt 5). Faça as contas: “Vendo Jesus as multidões (1ª. Ação), subiu ao monte (2ª. Ação) e sentou-se (3ª. Ação). Os discípulos aproximaram-se (essa ação é dos discípulos), e Jesus começou a ensiná-los (4a. Ação de Jesus). Quatro, você sabe, é um número de totalidade, abrangente como os quatro pontos cardeais.

Estamos no início do chamado Sermão da Montanha, que compreende os capítulos 5, 6 e 7 de Mateus. O Sermão da Montanha é a proclamação da Lei do povo da nova aliança.

Vamos às quatro ações iniciais de Jesus. 

A primeira foi “vendo as multidões”... Ele vê o povo que acorre para ouvi-lo, para pedir a cura de suas doenças... Ele não vê só com os olhos, vê com o coração. Na história que contou do homem assaltado e caído na estrada, só o samaritano viu, aproximou-se e cuidou dele. O sacerdote e o levita viram, mas passaram adiante. Jesus vê as multidões como Deus que falou com Moisés no Monte Sinai: “Eu vi, eu vi a miséria do meu povo que está no Egito. Ouvi seu grito por causa dos seus opressores, pois eu conheço as suas angústias”. A primeira ação foi “Ver as multidões”, um olhar de compaixão e de compromisso com o seu bem.

A segunda ação de Jesus foi “subiu ao monte”. Que detalhe curioso, “subiu ao monte”! Que monte? Com certeza, uma das colinas próximas de Cafarnaum. O monte, na tradição bíblica, é um lugar privilegiado de encontro com Deus. Mas, por que subiu com a multidão ao monte? Claro, ele é o novo Moisés que está levando o povo hebreu para o Monte Sinai, para prestar culto a Deus, celebrar aliança com ele e dele receber a Lei. “Subiu ao monte” é uma ação cheia de significado. Refazendo o caminho da história, Jesus, o novo Moisés, está restaurando o seu povo, que renasce em aliança com Deus.

A terceira ação foi “sentou-se”. Por que sentar-se? Por que estava cansado? Para ficar mais próximo do povo? Os mestres, em Israel e em outros povos, ensinavam sentados. Na Sinagoga, o pregador ficava sentado. Lembra Jesus, na Sinagoga de Nazaré? Depois que leu, de pé, o profeta Isaías, sentou-se para explicar aquela passagem. Na Sinagoga, havia uma cadeira especial para o pregador, perto do púlpito, num lugar de destaque. Chamava-se a Cadeira de Moisés. Quando pediu uma barca para se afastar da multidão e falar-lhes sobre o Reino de Deus, lembra em que posição Jesus ficou? Sentado, claro. Sentar-se é a posição de quem vai ensinar, Jesus assume a condição de Mestre. É o novo Moisés que ensina a Lei de Deus ao seu povo.

A quarta ação foi “começou a ensiná-los”. O que ele começou a ensinar vem a seguir: as bem-aventuranças, as bem-aventuranças do Reino. Na interpretação que se fazia do decálogo do Monte Sinai, o bem-aventurado era o praticante da Lei, o que observava os mandamentos e as normas. Nas bem-aventuranças do Monte, Jesus proclama que o Reino de Deus é um dom para os humildes, os sofredores, os pecadores. O Reino é o consolo para os aflitos e perseguidos, a vitória da justiça e da paz para os sofredores, a força dos mansos, o conhecimento de Deus para os de coração limpo, a misericórdia para os pecadores. Afinal, o bem-aventurado no povo da nova aliança é o humilde e pecador amado por Deus.

Ouvindo essa palavra, sinta-se no meio daquela multidão. Você está na lista dos bem-aventurados do Reino. Não porque você seja muito bom, nem muito santo(a), nem muito praticante da Lei de Deus. Você está na lista dos bem-aventurados porque, na sua fraqueza, nos seus limites, na sua condição de pecador, Deus ama você. É o que Jesus está dizendo.

Guardando a mensagem

Está começando o Sermão da Montanha. Jesus, com compaixão, vê o povo, como Deus na revelação a Moisés, da sarça ardente. Jesus, com o povo e os discípulos, sobe ao monte. Ele é o novo Moisés que liderou a saída do Egito e levou o povo ao Monte Sinai para celebrar a aliança com Deus. Ele é o mestre que, sentado, ensina ao seu povo a lei do Reino de Deus. O seu ensinamento é o manifesto do Reino. Os pequenos são os amados de Deus, os cidadãos do seu Reino.

Os discípulos aproximaram-se e Jesus começou a ensiná-los (Mt 5, 1-2)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Longe de nós por nossa confiança no dinheiro, na riqueza deste mundo. Queremos acolher o Reino de Deus, como dom que nos é oferecido, como nossa maior riqueza. Longe de nós vivermos na condição de quem não precisa mais de nada, nem de ninguém. Queremos acolher o Reino, com sede e fome de justiça, buscando fraternidade, solidariedade e confiança na tua providência. Longe de nós vivermos a alegria falsa da bebida, das drogas ou da indiferença com a dor dos outros. Queremos viver a verdadeira alegria que o Reino nos traz pelo perdão, pela salvação que nos alcançaste. Longe de nós querermos agradar ao mundo e à opinião pública, negando o evangelho da vida, da família, da verdade. Queremos ser fieis, mesmo no meio de incompreensões ou perseguições, certos que este é o caminho da vitória. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Leia, na sua Bíblia, a passagem de hoje: Mateus 5, 1-12.

Um agradecimento, de coração, aos muitos irmãos e irmãs que acompanharam o meu Show online deste sábado, festejando os 25 anos da AMA e o meu aniversário, também. Deus os abençoe. 

A gente se encontra na live da Oração da Noite, às 21:30, como todas as noites de segunda a sexta.

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb

12 comentários:

  1. A complexidade das ações do Mestre são perfeitas tendo ligação com a natureza ele segue através de oração sendo ela carregada de espiritualidade essas horas juntos precupado sempre ensinar o máximo que pode,mostrando-se livre venceu todos os ritos dá época subiu ao Monte,lugar deserto lugar de silêncio cheio de deposição depois de uma paletada certo que descansou no momento certo foram todos se acomadando de forma confortável o centro daquela linda reunião foi Deus que Jesus Cristo sendo instrumento dele.A compaixão sempre presente o Mestre vê a multidão através do pensamento energia do saber Divino.Tudo acontecia com a presença concreta do Espírito Santo inuda a todos naquela mantenha que hoje simboliza a entrada no nosso interior no mais íntimo lugar deserto que Deus nos escuta no SILÊNCIO do amor eterno.Que luz do mundo seja sempre a busca do bem no deserto e manifesta-se em meio aos multidões faminta.

    ResponderExcluir
  2. Padre João Carlos bom dia!
    Quero desejar ao senhor pela passagem de seu Aniversário muitas felicidades e muitos anos de vida...que Jesus abençoe sua vida lhe dando paz, saúde e vida longa. Parabéns! Feliz Aniversário.

    ResponderExcluir
  3. Bom Padre sua benção 🙏 obrigada pela meditação 🙏 Deus te ilumine sempre 🙏 e te dê muita saúde,paz e felicidades, parabéns 👏🏼🎉👏🏼🎉👏🏼 desculpa, não me dei conta,mas eu desejo tudo de bom pra vc Padre João Carlos, ótimo dia pra você e todos 🙏🙌🏼🌺❤️

    ResponderExcluir
  4. Pe João Carlos bom dia. Primeiramente lhe agradeço por suas palavras inspiradas pir Deus, elas acalmam a minha alma e meu coração.
    Desejo ao senhor, mesmo que atrasado, um muito feliz aniversário. Que Deus lhe cubra de saúde e alegria. Que o Espírito Santo sempre lhe de sabedoria para inspirar suas palavras que tanto nis trazem paz. Muito obrigada por tudo.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia Pe João Carlos, bela explicação do Sermão da Montanha, sempre atual na nossa vivência cristã. Parabéns pelo o show, lindo, um belo presente para nós.

    ResponderExcluir
  6. Padre João Carlos um começo de semana abençoada e iluminada que papai do céu te proteja sempre e nossa senhora Auxiliadora envolve o senhor no seu caminho.🙋😇🌟🌟🌟💕
    Pai, queremos acolher com alegria e gratidão o seu Reino de Amor, reconhecimento de Jesus de Nazaré como o Cristo,o Messias, queremos seguir a Jesus Rei do universo.
    Criaturas pura e delas são o Reino do Céu.🙋🙏😍🌹💕

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Padre João Carlos, suas bênçãos e obrigado e Parabéns Sempre. Estaremos em Oração para o Amor na Palavra e na Vida e que possamos transmitir com humildade em todas as coisas que façamos. Salve Maria 🙏

    ResponderExcluir
  8. Anônimo7/6/21 12:42

    Boa tarde Padre João Carlos. Paz e amor no seu coração.
    Senhor Jesus, queremos viver a verdadeira a alegria que o Reino nos traz pelo perdão, pela salvação que nos alcançaste.
    À Padre João Carlos e a todos da AMA desejo um dia de paz e uma semana abençoada por Deus... Fiquem com Deus no coração...
    Ester de Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  9. Bendito seja o seu Santo nome agora e para sempre AMÉM JESUS Cristo

    ResponderExcluir
  10. Olá padre João Carlos a sua benção que homilia belíssima do sermão da montanha. Bem aventurança. Senhor Jesus que eu nunca desista de te

    ResponderExcluir
  11. Jesus prega no meio do povo de Deus sentado ensinando ao povo as maravilhas do mundo.Queremos ser fiéis com as compreensões e incompreensões do povo de Deus

    ResponderExcluir
  12. Boa noite padre João Carlos sua bênção obrigado pela meditação maravilhosa EA sua reflexão muito bem explicada que o espírito santo lhe ilumine sempre no seu trabalho e todos da equipe paz e bem Nilza Maria jardim paulista pe

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@gmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.

Postagem em destaque

Vá e faça a mesma coisa

Eu já andava desconfiado que o bom samaritano do evangelho fosse Jesus. Agora, já não tenho mais dúvidas. Bom, Jesus contou a históri...