PADRE JOÃO CARLOS - MEDITAÇÃO DA PALAVRA: A MISSA É A CEIA PASCAL DE JESUS

A MISSA É A CEIA PASCAL DE JESUS



03 de junho de 2021

EVANGELHO


Mc 14,12-16.22-26

12No primeiro dia dos Ázimos, quando se imolava o cordeiro pascal, os discípulos disseram a Jesus: “Onde queres que façamos os preparativos para comeres a Páscoa?”
13Jesus enviou então dois dos seus discípulos e lhes disse: “Ide à cidade. Um homem carregando um jarro de água virá ao vosso encontro. Segui-o 14e dizei ao dono da casa em que ele entrar: ‘O Mestre manda dizer: onde está a sala em que vou comer a Páscoa com os meus discípulos?’ 15Então ele vos mostrará, no andar de cima, uma grande sala, arrumada com almofadas. Aí fareis os preparativos para nós!”
16Os discípulos saíram e foram à cidade. Encontraram tudo como Jesus havia dito, e prepararam a Páscoa.
22Enquanto comiam, Jesus tomou o pão e, tendo pronunciado a bênção, partiu-o e entregou-lhes, dizendo: “Tomai, isto é o meu corpo”.
23Em seguida, tomou o cálice, deu graças, entregou-lhes, e todos beberam dele. 24Jesus lhes disse: “Isto é o meu sangue, o sangue da aliança, que é derramado em favor de muitos. 25Em verdade vos digo, não beberei mais do fruto da videira, até o dia em que beberei o vinho novo no Reino de Deus”.
26Depois de ter cantado o hino, foram para o monte das Oliveiras.

MEDITAÇÃO

Isto é o meu sangue, o sangue da aliança, que é derramado em favor de muitos (Mc 14,24)

Chegamos ao dia de Corpus Christi. O que celebramos? O corpo e o sangue de Cristo, claro. A Eucaristia. O Concílio Vaticano II disse que a Eucaristia é fonte e ápice de toda a evangelização, de toda a vida da Igreja. Dom Bosco escreveu: “O sacrifício do altar é a glória, a vida, o coração do cristianismo”.

A Eucaristia é a Ceia Pascal que Jesus celebrou com os seus discípulos E o que Jesus fez na última ceia? Ele antecipou a sua entrega na cruz, entregando-se ao Pai em nosso favor. Na cruz, ele deu a sua vida por nós. Aquela oferta generosa e obediente de si mesmo na cruz foi a mesma da ceia. É a mesma da Missa. A Missa renova aquela oferta do calvário, a sua morte redentora em favor da humanidade. A morte cruenta foi uma única vez. Mas, na Missa, como na última ceia, esse sacrifício é renovado, reapresentado a Deus.

A última ceia foi uma ceia de páscoa. Na ceia da páscoa, comia-se o cordeiro assado, cordeiro que tinha sido antes oferecido em sacrifício a Deus. Na ceia de Jesus, não houve cordeiro sacrificado. O cordeiro era Jesus. Ele seria sacrificado. Ele seria o alimento a ser consumido, na ceia da páscoa.

A Missa é a ceia da páscoa. O cordeiro que comemos, em família, em comunidade, em ação de graças pela libertação, é o próprio Jesus. Jesus está sacramentalmente presente no pão e no vinho consagrados. “Comam. Este é o meu corpo”. “Bebam. Este é o meu sangue”.

Na ceia pascal, a grande família rendia graças a Deus por todas as maravilhas que o Senhor realizara na história do seu povo, sobretudo a libertação do cativeiro do Egito. Na ceia dos cristãos, tudo é ação de graças ao Pai, por tudo que ele fez desde a criação até a vinda de Jesus e do Santo Espírito, e sobretudo a obra redentora de Jesus.

Ele disse ao povo: “Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia”. De fato, por sua morte, ele nos trouxe a vida. Ressuscitado, ele apresentou-se aos discípulos e lhes comunicou a paz e o Espírito. A sua vida entregue expiou o nosso pecado. Ressuscitado, ele nos abriu as portas da casa de Deus: pelo dom do seu Espírito, agora somos filhos Deus. Na sua morte, ele nos deu a vida.

Na missa, na nossa ceia pascal, nos unimos a Cristo pela fé, pela caridade, pela oração e, muito especialmente, pela comunhão eucarística. Nós nos associamos ao seu sacrifício com nossas dores, nossos sofrimentos, nossas lutas. “Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele”. Na comunhão eucarística, nos unimos a ele e ele se une a nós.

No sacrário, em cada igreja, se conserva a reserva eucarística, o pão consagrado na Missa para comunhão dos doentes e também para a adoração dos fiéis. Santos, como o Cura D’Ars, recomendava a Visita ao Santíssimo Sacramento. Dom Bosco era claro: “Vocês querem que Jesus lhes conceda muitas graças? Visitem-no muitas vezes. Querem que ele lhes conceda poucas? Então, visitem-no poucas vezes”.

Guardando a mensagem

Jesus falou de sua carne e de seu sangue que ele daria para a vida do mundo. Ninguém entendeu. E muitos se afastaram. De fato, foi o sacrifício de sua vida na cruz – corpo entregue e sangue derramado – que nos trouxe a vida, a salvação. Jesus celebrou essa entrega obediente de sua morte na ceia pascal, a última ceia. Do pão, fez sacramento do seu corpo e o deu em alimento. Do vinho, fez sacramento do seu sangue e o deu em bebida. A missa é a ceia pascal de Jesus. No lugar do cordeiro sacrificado, comemos pão e vinho, que, pelas palavras do Salvador e pela efusão do Espírito Santo, tornam-se substancialmente corpo e sangue de Cristo. Pela comunhão no seu corpo e no seu sangue, nos unimos profundamente a ele e ele a nós. Na Missa, elevamos ao Pai - com Cristo, em Cristo e por Cristo – a mais alta louvação e dele recebemos as mais elevadas graças e bênçãos.

Isto é o meu sangue, o sangue da aliança, que é derramado em favor de muitos (Mc 14, 24)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Reunido com os apóstolos na última ceia, tu te ofereceste ao Pai como cordeiro sem mancha e foste aceito como sacrifício de perfeito louvor. Pela comunhão no sublime sacramento da Eucaristia, tu nos nutres e santificas. Dá-nos, Senhor, a graça de nos aproximar sempre da mesa de tão grande mistério para encontrar, por tua graça, a garantia da vida eterna. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Para honrar o Santíssimo Sacramento, no dia de hoje, é recomendável participar da Santa Missa e fazer, pessoalmente ou em comunidade, a adoração eucarística. Não sendo possível presencialmente, una-se à sua comunidade, pelas redes sociais. 

Como todas as quintas-feiras, celebro a Santa Missa às 11 horas da manhã. E eu já estou lhe enviando o link para você participar conosco. Só para lembrar: já está com seu ingresso para o show de sábado? 

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb

11 comentários:

  1. És o cordeiro em Deus que viveu e não foi mudo,sendo assim Jesus Cristo professor têm autorização celestial de Deus para nos ensinar quais são os planos da vida eterna.Ela começa aqui nas atividades humanos.Olhando-os cada atitude realizar pôr Ele está implícito quê naquele período os humanos acreditavam no sacrifício para agradar ao Dono da Vida! Ofereciam os melhores animais, presentes de Páscoa sério:um cordeiro imolado,Cristo teve que se submeter aos Rótulo sociais do sacrifício,e mesmo assim precisa-se aprender administrar tais atitudes quê perpétua até agora,mas Deus é dá misericórdia quer de nós mudanças de ideia,mais foi tudo que seu filho amado ensinou alma se renderam outras se revolta,e assim mesmo nós ainda não sabemos conviver com a eternidade partindo do agora,pois as condições humanas nos fragiliza há ponto de referência justificativa nossa para não aderir ao princípio cristão.Celebramos no século XXI sacrifício do filho de Deus irmão aquele homem Jesus Cristo,e não temos coragem de abraçar uma causa que seja compatível com o caminho da eternidade! Mudança sim, sacrifício não!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia louvado seja nosso senhor Jesus Cristo

    ResponderExcluir
  3. Amém padre João Carlos bom dia obrigada pelas suas palavras tão lindas. cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo tem de piedade de nós.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia padre João Carlos que o senhor tenha uma ótima quinta feira iluminada e abençoada que papai do céu te proteja sempre e nossa senhora Auxiliadora envolve o senhor no seu caminho.
    🙋😇🌟🌟🌟🌹
    O hoje é a comemoração sacramento da eucaristia, é uma data das principais do calendário cristão,o corpo de Cristo é a igreja, para lembrar da morte e ressurreição de Jesus Cristo.
    Eucaristia, fonte de vida da igreja, é jesus Cristo, como pão do céu,da paz e a salvação da humanidade, alimenta com
    o próprio sangue os seus filhos.
    Estarei presente na santa missa padre João Carlos 🙏 🙋😍🌹💕

    ResponderExcluir
  5. Anônimo3/6/21 08:47

    Bom dia Padre João Carlos. Paz e amor no seu coração...
    Hoje é dia de CORPUS CHRSTI.
    À missa é a ceia pascal de Jesus.
    Dá-nos, Senhor, a graça de nos aproximar sempre da mesa de tão grande mistério para encontrar, por tua graça,
    a garantia da vida eterna...
    Daí, Senhor, a Padre João Carlos e a todos da AMA muitas bênçãos...
    Um bom dia a todos.
    Ester de Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  6. Bendito seja o seu Santo nome agora e para sempre AMÉM JESUS!!!

    ResponderExcluir
  7. Ó glorioso Deus altíssimo, eu LHE agradeço pela Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo. Entretanto, me conceda a graça de ouvir, aprender, viver e ensinar a VOSSA palavra e os VOSSOS decretos. Me conceda a graça de participar santamente da missa. Me conceda a graça de obedecê-Lo com humildade. Me conceda a graça da minha purificação. Me conceda a graça de seguir o caminho da perfeição e da santificação. Me conceda a graça de alcançar a redenção e a herança eterna. Me conceda a graça de servi-Lo com amor. Me conceda a graça de ser VOSSO discípulo missionário. Me conceda a graça de preparar melhor as celebrações. Isso eu LHE peço por Cristo Nosso Senhor. Amém.

    ResponderExcluir
  8. Boa noite louvado glorificado exaltado seja teu nome senhor

    ResponderExcluir
  9. Boa Noite Padre João Carlos, suas bênçãos e obrigado Sempre. Estivemos em Oração para o Amor em Jesus na Eucaristia. Salve Maria 🙏

    ResponderExcluir
  10. Boa noite padre João Carlos sua bênção obrigado padre por suas palavras muito bem explicada hoje é um dia muitos importante na vida da igreja a morte é a ressurreição de Cristo corpus Christi eu não perdia a missa e a procissão na igreja de São bento em Olinda já comprei o ingresso jesus Cristo lhe abençoe muito padre João Carlos paz e bem Nilza Maria de jardim paulista pe

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@gmail.com ou o whatsapp 81 3224-9284.

Postagem em destaque

Vocês também querem ir embora?

20 de abril de 2024 Sábado da 3ª Semana da Páscoa    Evangelho   Jo 6,60-69 Naquele tempo, 60muitos dos discípulos de Jesus, que o escutaram...

POSTAGENS MAIS VISTAS