17 julho 2020

A MISERICÓRDIA


Quero a misericórdia e não o sacrifício (Mt 12, 7)

17 de julho de 2020

Em caminhada com Jesus, em dia de sábado, os discípulos, com fome, passando no meio de uma plantação, apanharam espigas para comer. Pronto, isso foi o suficiente para escandalizar os fariseus. Acusaram os discípulos de estarem profanando o sábado.

Os judeus guardam o sábado, pensando no descanso de Deus no final da obra da criação. Nós cristãos guardamos o domingo, por causa da ressurreição de Jesus. Os muçulmanos já guardam a sexta, festejando o dia em que Deus – Alá – criou o homem. No tempo de Jesus, a interpretação que os hebreus faziam do sábado era muito rigorosa, cheio de normas e detalhes. Não se podia trabalhar, de jeito nenhum. Até os passos deviam ser contados para não se ofender a santidade do sábado, o shabat.

Jesus chamou os seus opositores à razão: a necessidade humana está acima de uma norma religiosa. Se eles estavam com fome, é justo que procurassem conseguir o alimento. Note que a reclamação não foi porque arrancaram espigas da plantação. Isto era possível. O que não se podia era fazer isso em dia de sábado. Jesus relembrou que Davi e seus soldados, voltando de uma campanha, mortos de fome, comeram os pães das oferendas do Templo, o que não era permitido. E estava tudo certo.

Religião sem caridade vira uma coisa desumana. Jesus recordou um ensinamento escrito no Profeta Oséias, no Antigo Testamento “Quero a misericórdia e não o sacrifício”. Quando você ouvir essa palavra “sacrifício” na Bíblia, lembre que ela se refere aos sacrifícios de animais que se fazia no Templo de Jerusalém (bois, carneiros, aves). O sacrifício é uma forma de culto muito comum nas religiões antigas. Então, Deus está dizendo nesta palavra do profeta que prefere a misericórdia ao sacrifício de animais. O verdadeiro culto é o da misericórdia, do amor, da caridade para com o próximo.

No livro do Profeta Isaías, também no Antigo Testamento, há uma reclamação de Deus. Deus reclama do culto que está recebendo: tantos sacrifícios de animais, ofertas, mas tanta injustiça, tanta violência no meio do povo, e nas mãos e no coração de quem está celebrando o culto! Isso sim é uma ofensa a Deus. "Meu sacrifício, ó Senhor, é um espírito contrito, um coração arrependido e humilhado", rezamos no Salmo 50.

Os fariseus estavam reclamando porque, em dia de sábado, os discípulos, que estavam com fome, estavam colhendo espigas para comer, durante o trajeto. O que vai agradar mais a Deus: seguir à risca a lei do sábado ou dar de comer a quem está com fome? O sacrifício ou a misericórdia?

Guardando a mensagem

Os fariseus do tempo de Jesus faziam uma interpretação muito rígida da lei do sábado, uma norma religiosa que visava o louvor de Deus, mas também o descanso do trabalho nesse dia. Eles viram os discípulos colhendo espigas no sábado e ficaram revoltados. Para eles, com esse trabalho, o sábado estava sendo profanado. ‘Misericórdia eu quero, não sacrifícios’, disse o Senhor pela boca dos profetas. O amor está acima de tudo. O primeiro louvor a Deus é o amor. E não dá para mostrar amor a Deus e não amar o seu irmão. Deus não fica contente com um culto bonito ou um louvor arrebatador que não esteja comprometido com a caridade, a compaixão para com os sofredores. Ele se agrada mesmo da misericórdia, do amor pelo pequeno. É isso que dá sentido e verdade ao nosso culto, ao nosso louvor.

Quero a misericórdia e não o sacrifício (Mt 12, 7)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Às vezes, não vemos a ligação que existe entre o culto que te prestamos e a caridade que devemos ao próximo. Na misericórdia, no amor solidário pelos mais sofridos, começa o verdadeiro culto que se explicita depois nos ritos, nas celebrações religiosas. Amar os irmãos, sobretudo defendendo, protegendo os doentes, os presos, os pobres, os mais frágeis, é uma forma de louvor a Deus. Senhor, ajuda-nos a viver nossa vida cristã e nossas práticas religiosas em sintonia com o amor ao próximo. Que a nossa devoção e o culto que te dirigimos tenham sua versão concreta no serviço aos mais pobres, no respeito aos idosos, na defesa da vida, pois preferes a misericórdia ao sacrifício. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém. 

Vivendo a palavra

Muita coisa, podemos fazer pelos irmãos e irmãs mais sofridos. A Igreja até fala das obras de misericórdia. E a tradição colecionou catorze obras de misericórdia. Você as conhece? No final do texto da Meditação de hoje, vou deixar a lista completa das obras de misericórdia. Dê uma olhadinha em www.padrejoaocarlos.com. Jesus nos quer misericordiosos, como ele.

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb


AS OBRAS DE MISERICÓRDIA

Há catorze Obras de Misericórdia: sete corporais e sete espirituais.

Obras de misericórdia corporais:

1) Dar de comer a que tem fome
2) Dar de beber a quem tem sede
3) Dar pousada aos peregrinos
4) Vestir os nus
5) Visitar os enfermos
6) Visitar os presos
7) Enterrar os mortos


Obras de misericórdia espirituais:

1) Ensinar os ignorantes
2) Dar bom conselho
3) Corrigir os que erram
4) Perdoar as injúrias
5) Consolar os tristes
6) Sofrer com paciência as fraquezas do nosso próximo
7) Rezar a Deus por vivos e defuntos

As Obras de misericórdia corporais encontram-se, na sua maioria, na lista enunciada pelo Senhor na descrição do Juízo Final.

A lista das obras de misericórdia espirituais tirou-a a Igreja de outros textos que se encontram ao longo da Bíblia e de atitudes e ensinamentos do próprio Cristo: o perdão, a correção fraterna, o consolo, suportar o sofrimento, etc.

19 comentários:

  1. Belíssimos as palavras:*A misericórdia é maior que sofrimento,mudem de vida,o AMOR vence as leis, estas entre outras ações postas no meio de uma sociedade cheia de pre-conceito que prende os humanos a dogmas religiosos que escravisam todos.Ele passou uma diga não passem por cima das autoridades sejam uma também, precisamos conversar mais não tenhamos medo!!! Mestres aqui os sábados são Santos?A um necessidade para se santifocar,saciaem primeiro as fome de todos... Isso é ser de Deus, coragem para agir,formiza nas atitudes basta,mudem de Vida essa é a lei que consiste o AMOR.Deixem comigo vamos construir uma Nova Lei,e assim segue até hoje a condição de se colocar no o lugar do outro faz um mundo um lugar de todos.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Padre João! Como são lindas as obras da Misericórdia! Eu vou anotar uma por uma e deixar bem visível, pois sei que muito me ajudarão! Obrigada por mais este gesto seu que também é uma obra de misericórdia: Ensinar aos ignorantes ! Já sabia que fazer o bem é do agrado do Bom Deus, mas com detalhes das obras de misericórdia eu realmente aprendi! kķk pode parecer engraçado, mas é verdadeiro! Sua benção e obrigada por tudo de bom que o senhor tem feito na minha vida e na da minha família! Deus o ilumine imensamente em tudo que precisar!🌹

    ResponderExcluir
  3. Todos os dias minha amiga Conceição me envia a palavra de Deus, hoje venho pedir pela saúde do pai da minha filha Maicon Jeferson, ele me fez sofrer muito junto a minha filha, mas não quero o mal dele, hoje está muito doente e rezo a Deus que recupere logo, que Deus tenha misericórdia dele.

    ResponderExcluir
  4. José Lúcio17/7/20 07:50

    Temos que fazer nossa oração. Mas, mais do que isso temos que praticar a Ação, que começa com o "A" de Amor.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia padre joao Carlos jacinta, essa palavra nos leva a refletir sobre nos e o próximo relacionamento e bem explicado e ao mesmo para aqueles sao complicado ai onde o amor em nos veremos nos outro dierente.ta me entendo padre agir no outro da misericórdia de Deus que esta em mim e em você assim e foi muito bem explicado foi crescimento em nos. 🙏🙌🙌🙌

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Padre João Carlos. Que o seu dia seja sempre iluminado com a luz do Espirito Santo...
    Querido DEUS, em tuas mãos eu coloco o meu dia-a-dia, a minha vida. Em Ti deposito toda minha confiança.
    Ajuda-nos, Senhor, a viver nossa vida em sintonia com o amor ao próximo, e na vivência das obras de misericórdia, como: dar de comer a quem tem fome, dar de beber a quem tem sede , ensinar os ignorantes, castigar os que erram, sofre com paciência as fraquezas do nosso próximo etc... eu já conhecia as obras de misericórdia, minha mãe nos ensinou quando éramos criança.
    Senhor, abençoa nosso mundo para que esta pandemia passe e a humanidade possa viver em paz...Jesus, eu confio em vós.
    Ester de Campinas São Paulo.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia padre João Carlos que Deus abençoe todos nós

    ResponderExcluir
  8. Bom dia padre João Carlos, todos os dias eu assisto a meditação da palavra é um alimento para meu dia e meu espírito, que Deus te proteja e te ilumine padre

    ResponderExcluir
  9. A sua bênção Pe João Carlos Fé sem obras é uma fé morta não adianta dizer Senhor Senhor e não fazer nada pelo irmão que sofre todos temos algo à oferecer Deus abençoe a todos Francisco Taubate SP

    ResponderExcluir
  10. Amém padre João Carlos bom dia

    ResponderExcluir
  11. Bom dia padre João Carlos que papai do céu te abençoe e te ilumine e que nossa senhora auxiliadora envolve o senhor no seu caminho 🙌😇🌟🌟🌹
    Senhor Jesus, que o teu amor seja aperfeiçoado em mim, que eu conceda amor com alegria,e meu coração seja bondoso.
    Abre meus ouvidos para escutar corações feridos.
    Abre meus olhos para derrama lágrimas pela tristeza dos outros.
    Senhor derrame seu amor misericórdioso sobre mim.
    A misericórdia é o ato supremo de Deus que vem a nós.
    A misericórdia é o caminho que nós uni a Deus 🙌🌹💕👏

    ResponderExcluir
  12. Adoro suas pregações do Evangelho, muito virtuoso Pé.Joao Carlos.ZilmarBraga do Ceará Cidade de Reriutaba.

    ResponderExcluir
  13. Amém Padre João Carlos Que Deus nos abençoe hoje e sempre amém

    ResponderExcluir
  14. Não devemos esquecer que a misericórdia começa dentro dos nossos próprios lares!Tenho visto e presenciado a falta de misericórdia!Fico muito triste!

    ResponderExcluir
  15. Agradeço a minha amiga que me manda todos os dias essas palavras que me acalma a alma.Tenho fé em Deus todo poderosos que meu filho ache o caminho da paz e abandone o vício da bebida.

    ResponderExcluir
  16. Padre João Carlos em primeiro lugar peço a sua benção , olha quanto mais lemos as medicações que recebemos mais aprendemos , e mais ainda nós inativa a ler a Bíblia é o que eu tenho a proveitoso muito deste islamento por tudo isso eu agradeço a Deus e peço por todos nós para que e possa fazer o que for da vontade dele assim seja uma abençoada tarde a todos os que colaborao para que podemos receber as meditações todos os dias
    Louvado seja nosso senhor Jesus Cristo hoje e sempre

    ResponderExcluir
  17. Boa noite padre a sua benção que homilia belissima

    ResponderExcluir
  18. Obrigado padre pela reflexão lindíssima estou cada dia aprendendo com senhor que Deus te abençoe ilumine sempre

    ResponderExcluir
  19. Obrigado, pela reflexão belíssima. Essa é um bálsamo para nossa alma.Que Deus continue iluminando o senho,para nós ensinar as interpretações divinas.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.