01 fevereiro 2020

COMO VENCER A TEMPESTADE

Quem é este, a quem até o vento e o mar obedecem? (Mc 4, 41)
01 de fevereiro de 2020

Quem é que não tem problemas na vida? Qual é a vida que não tem sofrimento, crises, desencontros? Pois é, todo mundo tem a sua tempestade. Aliás, muitas tempestades. As coisas vão andando bem, tudo em ordem, de repente, um problema, uma turbulência.

Na história dos discípulos de Jesus, eles estão na barca em pleno mar da Galileia. De repente, vento forte, ondas revoltas, tempestade no mar. E o pessoal ficou com muito medo, porque o barco estava afundando. Era gente experiente no mar, mas a coisa estava ficando feia. Jesus estava dormindo no barco, eles o acordaram pedindo ajuda. Jesus acalmou o vento e o mar. Mas também reclamou que eles tivessem uma fé tão fraca.

Essa história do evangelho pode responder a uma inquietante pergunta: Como é que a gente faz pra vencer uma tempestade? Eles, naquela situação-limite (a tempestade no mar), tiveram uma profunda experiência de Deus. Viram de perto a sua atuação salvadora. Admiraram-se com aquele homem, a quem o vento e o mar obedecem. Em Jesus, eles viram o próprio Deus agindo para salvá-los.

Como é que se faz pra vencer a tempestade? A história dos discípulos dá a resposta em três tempos. Primeiro: Tenha Jesus no seu barco. Tenha Jesus no seu barco. O barco é uma representação de sua vida, de seu casamento, de sua profissão, de sua comunidade. Aliás, no evangelho, a barca de Pedro é a própria Igreja, singrando os mares do mundo. É uma representação da igreja missionária. Se Jesus não estiver no barco, a coisa fica mais difícil ou mesmo sem solução. É preciso que Jesus esteja presente em sua vida, em sua profissão, em sua família. Às vezes, pode até parecer que ele esteja ausente (na história, estava dormindo). Então, tenha Jesus no seu barco.

A segunda pista também está no texto. Os discípulos acordaram Jesus e pediram que os salvasse. A segunda pista é essa: Recorra ao Senhor, pela oração. Deus já sabe de que precisamos, mas precisamos pedir. É uma forma de afirmar nossa dependência dele, nossa confiança. Então, recorra a Jesus, pela oração. Pede quem precisa e confia. É claro que a oração não é só na hora da necessidade, mas também nela. Na tempestade, recorra a Jesus, reze.

A terceira pista é essa: Mantenha uma atitude de fé e de confiança em Deus. Jesus achou que os discípulos, pelo desespero que demonstraram, tinham uma fé ainda fraca. Especialmente nessas horas é preciso ter uma atitude de fé e de confiança em Deus. A fé nos dá serenidade nas horas difíceis, tranquilidade para enfrentar os problemas, sem desespero.

Guardando a mensagem

A cena da tempestade no Mar da Galileia é especialmente uma representação das crises que se abateram na comunidade de Jesus. A primeira grande crise foi, com certeza, a morte dele executado como malfeitor. Talvez seja por isso que nessa cena, ele aparece dormindo na parte de trás da barca. Os discípulos precisam de mais fé, para não deixar que o medo os desoriente e os leve ao desespero. As crises estão sempre presentes em nossa vida. Assim, você pode aprender nessa passagem como enfrentar e vencer uma tempestade. Primeiro: Tenha Jesus no seu barco. Segundo: Recorra ao Senhor, pela oração. Terceiro: Mantenha sempre uma atitude de fé e de confiança em Deus.

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Deves ter acordado assustado com aquela gritaria de desespero dos teus discípulos. Tu te levantaste e deste ordem ao mar e ao vento para se acalmarem. Neste teu levantar-se, vemos claramente a imagem de tua ressurreição. Na tua ressurreição, temos a garantia da vitória em nossas lutas e em todas as crises em que vivemos em família, na Igreja ou em sociedade. Aumenta, Senhor, a nossa fé, para enfrentarmos e vencermos contigo todas as tempestades. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Em sua oração pessoal, repasse com o Senhor alguma crise que você passou. 

Amanhã, é o domingo da Apresentação do Senhor, um dia de atenção à vocação dos consagrados. 

01 de fevereiro de 2020

Pe. João Carlos Ribeiro

25 comentários:

  1. Ame graça e paz Senhor 👐

    ResponderExcluir
  2. Bebo suas palavras.Deus lhe conserve assim com a luz de evangelizar tão claro.Obrigada por essa partilha.

    ResponderExcluir
  3. Amém! Creio Senhor, mas aumentai minha fé!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Padre João Carlos. Paz, muita paz para você, neste primeiro dia de fevereiro. Para vencer a tempestade, precisamos ter JESUS no nosso barco, recorrer a Jesus através da oração, ser firme na FÉ e confiar em DEUS . Aumenta, SENHOR, a nossa Fé para enfrentarmos e vencermos contigo todas as tempestades e garantir a Vitória em nossas lutas e crises na Igreja ou em sociedade. SENHOR, eu confio em ti... Desejo que o final de semana muito feliz repleto de muita saúde paz e alegria, para padre João Carlos e toda equipe da AMA.....................

    ResponderExcluir
  5. Bom dia padre João Carlos ornilda de arreia sua bença .padre João Carlos como e que fasso pra a fasta a tempestade pidino de juelho a Deus orando para a fasta da minha casa pidino a paz🙌🙌🙌🙌

    ResponderExcluir
  6. Bom dia padre João Carlos que o senhor tenha um fim de semana abençoado senhor Jesus todas as crises que passei na minha vida o senhor estava ao meu lado bendito seja o seu nome amém 🙌🙌👏💙

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Padre!a paz de Jesus e o amor de Maria! Que tenhamos um final de semana abençoado.Deus te abençoe 😘

    ResponderExcluir
  8. Bom dia padre João Carlos! Que bela e oportuna passagem bíblica... Peçamos a Deus um mês de fevereiro abençoado para cada um de nós. Muita paz e luz! Que possamos acordar para vida em Jesus Cristo Nosso Senhor, Redentor e Salvador. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  9. Padre João Carlos BOM DIA! minha gratidão ao sr. por vir sempre em meu socorro, quando mais preciso, a meditação de hoje serviu bem para eu refletir, e ter um pouco mais de fé em DEUS para poder vencer as tribulações surgidas, obrigada por ser este anjo, iluminando a vida de todos nós por aqui.DEUS abençoe o sr. seus familiares e todos da nossa associação missionária.fique sempre com nossas preces por aqui.

    ResponderExcluir
  10. Bom dia padre João Carlos! Graça e paz a todos nós e gratidão por sua contribuição espíriitual com suas mensagens edificantes. Que a palavra do Santo evangelho penetre em meu coração reforçando a minha fé e confiança em Deus, que é meu refúgio e acalma todas as tempestades e não deixa o meu barco naufragar! Recorro a Ti meu pai e clamo fica sempre comigo, governando o barco da minha vida! Amém 🙏🙏

    ResponderExcluir
  11. À sua bênção Padre, Deus abençoe seu sacerdócio,obrigada por me fazer a cada dia uma pessoa melhor: GRATIDÃO!!

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, padre, sua bênção! A reflexão de hoje nos convida a meditar quantas vezes não confiamos em Jesus dentro do nosso barco e recorremos a forças terrenas. E ficamos sempre com barcos encalhados. Rezemos ao Pai. Ana Celia/ Sergipe.

    ResponderExcluir
  13. Obrigada Sr. Por estar sempre conosco, em nosso barco, e te pedimos aumentei a nossa fé.Sonia e Sérgio.

    ResponderExcluir
  14. Obrigado padre sua benção agradeço a Deus por tdo que passamos e Deus sempre nos dando força amém

    ResponderExcluir
  15. Senhor aumenta minha fé e de meu filho .Amem

    ResponderExcluir
  16. Amém.Bom dia Padre as vezes ou quase sempre me coloco nas situações leio na Bíblia nas meditações dos terços assim como agora me coloquei no lugar dos discípulos eu estou em terra firme e fico emocionada com o que sinto quando se fala de fé e confiança mais se eu estivesse em um barco num mar revolto também não agiria como os discípulos .senti medo agora Padre será que não tenho tanta fé assim é onde está a minha confiança !

    ResponderExcluir
  17. Graças por tudo ti dou senhor, meu coração aflito esta aumentai a minha fe porque sou pequena e fraca.. Amem

    ResponderExcluir
  18. Essas palavras do evangelho de hj ,com sua explicação ,vem me tocar profundamente ,pela situação que tenho que enfrentar e não sei como conduzir.Que eu seja iluminada em todas as minhas atitudes . Amém.

    ResponderExcluir
  19. Pai de Bondade, eu LHE agradeço, por todos os amigos e amigas, que rezam diariamente comigo. Contudo, me conceda a graça de viver o meu profetismo batismal. Me conceda a graça de fugir do pecado. Me conceda a graça de agir com compaixão. Me conceda a graça de ser obediente ao meu REDENTOR. Me conceda a graça de rezar com fé e confiança. Me conceda a graça de fazer bons jejuns e boas penitências. Me conceda a graça de ser VOSSO discípulo missionário. Me conceda a graça de vencer o sofrimento e as dificuldades da vida. Me conceda a graça de ter mais coragem e humildade. Isso eu LHE peço pela intercessão de Jesus Cristo, VOSSO querido filho e meu amado SALVADOR. Amém

    ResponderExcluir
  20. Só tenho agradecer senhor foram tantas tempestade mais estou de pé. Pique o senhor estava comigo no banco

    ResponderExcluir
  21. Boa tarde padre João Carlos Deus seja louvado que Jesus Cristo lhe Ilumine sempre.para acalmar uma tempestade,tem que ter muita fé e orar sem cessar.

    ResponderExcluir
  22. Boa noite Padre João Carlos, Jesus te abençoe e te faça muito feliz. Obrigado Padre, pôr nos ensinar o caminho certo, precisamos acreditar mais em Jesus Cristo, só ELE pode acalmar às tempestade dá Nossa vida. Sua benção Padre.🙌🙌

    ResponderExcluir
  23. Boa noite pé João Carlos obrigado por nós ajudar com as suas belas meditaçãoes que nos envia todos os dias que Deus abençoe cada dia mais seu sacerdócio

    ResponderExcluir
  24. Esse padre e show em suas orietaçoes e nas explicações do evangelho obrigado padre pelos seus ensinamentos

    ResponderExcluir
  25. Boa noite padre estou muito feliz em conhecer cada vez mais a palavra de Jesus e isso tem me dado força e meu pedido é que me dê mais fé e confiança.Estou passando por uma leve tempestade mais com a certeza de que vou vencer

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.