17 fevereiro 2019

AS QUATRO BEM-AVENTURANÇAS DO REINO


Bem-aventurados vocês, os pobres, porque o Reino de Deus é de vocês (Lc 6, 20)

17 de fevereiro de 2019.

Certamente, você já ouviu alguém dizer assim: “Procurei isso ou aquilo pelos quatro cantos do mundo”. Tudo bem, o mundo não tem só quatro cantos. A pessoa está querendo dizer que procurou por todo canto. Também na Bíblia, quatro é um número de totalidade, engloba tudo ou todos.

No evangelho de hoje, Lucas capítulo 6, são quatro as proveniências da grande multidão que se reuniu para ouvir Jesus (Judeia, Jerusalém, Tiro e Sidônia). Isso quer dizer, que estavam ali todos os discípulos de Jesus. Nós também cabemos nesse grande grupo que está reunindo-se para ouvir a pregação do Mestre.  São quatro também as bem-aventuranças. Elas estão dirigidas aos necessitados, aos famintos, aos entristecidos e aos perseguidos. Isso quer dizer, que nessas quatro categorias, estão todos os filhos de Deus. Também são quatro os ‘ais’. Eles são dirigidos aos endinheirados, aos fartos, aos gozadores e aos aplaudidos pelo mundo. Estas quatro categorias reúnem todos os que estão precisando ser advertidos.

De que Jesus vai falar à multidão reunida na planície? Certamente, do que ele mais falava, do Reino de Deus. As bem-aventuranças equivalem ao manifesto do Reino de Deus. Ali estão os grandes ideais que norteiam o caminho dos discípulos. Podemos pensar nas bem-aventuranças  também como uma síntese do evangelho, o suprassumo da pregação de Jesus sobre o Reino de Deus.

“Bem-aventurados, vocês, os pobres, porque o Reino de Deus é de vocês” (Lc 6, 20). É a primeira bem-aventurança. Pobreza/necessidade vem respondida pela RIQUEZA do Reino de Deus. Os necessitados são ditosos, felizes, abençoados, porque o Reino de Deus lhes pertence. O Reino é dom de Deus para eles. Deus é a sua riqueza, o seu bem maior. O primeiro ‘ai’ refere-se aos ricos. Eles já têm a própria consolação, já tem a própria riqueza. A riqueza dos pobres é Deus, o seu Reino. O profeta Jeremias tinha proclamado maldito o homem que confia no homem (nos seus bens, na sua inteligência, no seu dinheiro) e bendito o homem que confia no Senhor. O REINO é a resposta de Deus aos necessitados.

“Bem-aventurados vocês que têm fome, porque serão saciados” (Lc 6, 21). É a segunda bem-aventurança. Fome/carência vem respondida pelo ALIMENTO. Os carentes experimentam o Reino como mesa farta, saciedade. Na multiplicação dos pães no deserto, o povo faminto experimentou como Deus cuida do seu povo, como a solidariedade permite a partilha, a abundância. Na pescaria, o trabalhador que voltou de uma noite de insucesso, trabalhando agora orientado pela Palavra de Jesus realiza uma pesca abundante. A MESA FARTA é a resposta de Deus aos famintos, aos carentes.

“Bem-aventurados vocês, que agora choram, porque haverão de rir” (Lc 6, 21). É a terceira bem-aventurança. Choro/tristeza vem respondido pela ALEGRIA. É o que se pode experimentar no Reino de Deus. A mulher que encontrou sua moedinha perdida reuniu as amigas para festejar o fato. O pastor, que encontrou sua ovelha perdida, alegrou-se com os colegas pelo reencontro de sua ovelhinha. O filho pródigo foi surpreendido pela festa que o pai fez na sua volta pra casa. O pai fez um churrasco com o novilho cevado e contratou músicos para animar a festança em sua casa. A obra de Jesus, a restauração, enche o nosso coração de alegria. A ALEGRIA DA SALVAÇÃO é a resposta de Deus aos sofredores.

“Bem-aventurados serão quando os homens odiarem vocês, os expulsarem, os insultarem e amaldiçoarem o seu nome por causa do Filho do Homem” (Lc 6, 22). É a quarta bem-aventurança. A perseguição/crítica vem respondida com a RECOMPENSA NO CÉU. O mundo aplaude os falsos profetas. Os profetas de verdade são perseguidos. O cristianismo, desde o início, conheceu o martírio. O primeiro mártir foi o próprio Jesus. E Deus o recompensou com a ressurreição. Ao terceiro dia, ele levantou-se da morte e voltou à vida, glorioso e triunfante sobre o mal. A carta de Paulo aos Coríntios fala da ressureição de Jesus, como fundamento de nossa fé (1 Cor 15). “Cristo ressuscitou dos mortos como primícias dos que morreram”. A RESSURREIÇÃO é a resposta de Deus à perseguição.

Vamos guardar a mensagem

As bem-aventuranças valem como um manifesto do Reino de Deus. É como uma síntese da boa notícia de Jesus, do seu evangelho. Todos os bem-aventurados, os abençoados estão representados em quatro categorias: os pobres ou necessitados, os famintos, os entristecidos e os perseguidos. O Reino não é uma conquista dos justos, como pensavam os religiosos do tempo de Jesus. Não o conquistam por sua bondade ou por força da prática fiel da Lei. O Reino é um dom, uma dádiva de Deus aos que põem nele sua confiança. O Reino é fartura, abundância, prosperidade na mesa dos famintos. Jesus mesmo os alimenta. Ele mesmo faz-se pão da vida para saciá-los. O Reino é justiça, alegria e paz, no Espírito Santo, como disse Paulo  (Rm14,17). É a festa da restauração. O Reino é certeza da recompensa no céu, da vitória. Vitória do profeta perseguido, do justo crucificado. O crucificado ressuscitou, penhor da ressurreição de todos nós que o seguimos.

Bem-aventurados vocês, os pobres, porque o Reino de Deus é de vocês (Lc 6, 20)

Rezando a palavra

Senhor Jesus,
Longe de nós por nossa confiança no dinheiro, na riqueza deste mundo. Queremos acolher o Reino de Deus, como dom que nos é oferecido, como nossa maior riqueza. Longe de nós vivermos na condição de quem não precisa mais de nada, nem de ninguém. Queremos acolher o Reino, com sede e fome de justiça, buscando fraternidade, solidariedade e confiança na tua providência. Longe de nós vivermos a alegria falsa da bebida, das drogas ou da indiferença com a dor dos outros. Queremos viver a verdadeira alegria que o Reino nos traz pelo perdão, pela salvação que nos alcançaste. Longe de nós querermos agradar ao mundo e à opinião pública, negando o evangelho da vida, da família, da verdade. Queremos ser-te fieis, mesmo no meio de incompreensões ou perseguições, certos que este é o caminho da vitória. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Vou lhe sugerir uma coisa que você já faz. Compartilhe essa meditação com seus contatos. Aliás, não só compartilhe, mas também recomende. Compartilhar as coisas da fé é um testemunho que damos de amor a Deus e à sua Igreja. É também uma oportunidade que oferecemos a outras pessoas de se sentirem mais próximas de Deus.

Pe. João Carlos Ribeiro – 17.02.2019

22 comentários:

  1. Respostas
    1. Amém! Gloria a Deus! A ele toda a honra e toda gloria, hoje e sempre! Eu luto todos os dias pela minha conversão!

      Excluir
  2. Amém e maravilhoso ouvir a palavra de Deus logo cedo

    ResponderExcluir
  3. Amém!!! Deus é Maravilhoso. 🙏 Bom dia padre e um abençoado Domingo para o senhor!

    ResponderExcluir
  4. Senhor, que eu seja Pobre de Espírito para ser Bem Aventurada

    ResponderExcluir
  5. Amém!!!! Queremos ser te fiéis mesmo no meio de incompreençoes e perceguiçoes!!!🙏🙏🙏

    ResponderExcluir
  6. Sua bênção,padre João Carlos.Sua homilia.me ajuda muito edpritualmente.Dá_me forfças na fé em Deus.Obrigada.PI.ezam@gmail.com.

    ResponderExcluir
  7. Amém.Um domingo abençoado a todos.

    ResponderExcluir
  8. Deus é o meu amigo fiel,com ele eu sei que posso contar em todas as horas.

    ResponderExcluir
  9. Amém.Um domingo abençoado a todos.

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Pe João Carlos que a alegria e a paz seja o seu caminho no dia a dia ,se confiarmos verdadeiramente em Deus não tem nenhum obstáculo que nos serca porque ELE é o nosso guia

    ResponderExcluir
  11. Amém..., que sejamos sempre humildes de coração, para honra e glória de Deus,Pai, Filho e Espírito Santo...!!!🙏💓🎁

    ResponderExcluir
  12. Amem ,que tenhamos um coração manso e humilde ,um pouco semelhante ao de Jesus ,para usarmos de misericórdia para com o nosso proximo

    ResponderExcluir
  13. Amém! Que tenhamos uma coração humilde e manso como o Coração de Jesus. Deus é AMOR!

    ResponderExcluir
  14. Gostaria de receber esta meditação todos os dias. Compra faço o download?

    ResponderExcluir
  15. Gostaria de receber o audio da meditação diária no meu celular. Compra faço o download?

    ResponderExcluir
  16. Gostaria de receber aufio meditação

    ResponderExcluir

E você, o que pensa sobre isso?