PE. JOÃO CARLOS - MEDITAÇÃO: A RESPOSTA À PREGAÇÃO DO REINO

20220109

A RESPOSTA À PREGAÇÃO DO REINO



10 de janeiro de 2022

EVANGELHO


Mc 1,14-20

14Depois que João Batista foi preso, Jesus foi para a Galileia, pregando o Evangelho de Deus e dizendo: 15“O tempo já se completou e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho!”
16E, passando à beira do mar da Galileia, Jesus viu Simão e André, seu irmão, que lançavam a rede ao mar, pois eram pescadores. 17Jesus lhes disse: “Segui-me e eu farei de vós pescadores de homens”. 18E eles, deixando imediatamente as redes, seguiram a Jesus.
19Caminhando mais um pouco, viu também Tiago e João, filhos de Zebedeu. Estavam na barca, consertando as redes; 20e logo os chamou. Eles deixaram seu pai Zebedeu na barca com os empregados, e partiram, seguindo Jesus.

MEDITAÇÃO


E eles, deixando imediatamente as redes, seguiram a Jesus (Mc 1, 18)

Houve um momento em que Jesus começou a sua pregação. Ele tinha uma notícia pra dar. Avisou a todo mundo: O Reino de Deus chegou. O fato que empurrou Jesus, por assim dizer, para encarar de vez a sua missão foi a prisão do profeta João Batista pelo violento tetrarca Herodes. A prisão do profeta criou uma grande crise no movimento do Batista, parecia o colapso daquela ebulição religiosa que preparava o povo para a chegada do Messias. Exatamente neste momento, quando o horizonte parecia se fechar, Jesus voltou para a Galileia e começou o seu ministério público.

Na sua pregação, ele começou dizendo quatro coisas: “O tempo já se completou, o Reino de Deus está próximo. Convertam-se e creiam no evangelho”. Este é um resumo de tudo o que ele anunciaria com palavras e obras, em todo o seu ministério público. Finalmente, as promessas estavam se cumprindo: chegara a hora do reinado de Deus. Por sua presença de enviado e Messias, o novo tempo estava começando, o tempo da reconciliação, da graça, do perdão.

Essa comunicação de Jesus sobre a chegada o Reino não era apenas uma informação para se tomar conhecimento. Jesus, com essa maravilhosa notícia, estava convocando as pessoas para viverem esse novo momento. A boa notícia, isto é o evangelho, é uma grande convocação. Neste início da primeira parte do tempo comum, a Igreja nos recorda esse começo abençoado do ministério de Jesus, narrado no Evangelho de São Marcos. Ele anunciou a chegada do Reino e obteve uma adesão entusiasta de um grupo de pescadores: Simão e André, Tiago e João.

O bom exemplo dos quatro primeiros discípulos é uma proposta que o evangelho está nos apresentando para nossa imitação. É como se dissesse: “façam assim, respondam desse jeito à pregação de Jesus”. Na resposta deles, podemos destacar três passos.

O primeiro passo foi a conversão. O anúncio do Reino é um convite à mudança de vida, nos pede conversão. ‘Convertam-se e creiam no evangelho’, disse Jesus. Pela conversão, fazemos opção pelo Reino, reorientamos a direção de nossa vida. Converter-se é fazer uma opção radical por Jesus. Isso muda muita coisa na vida de uma pessoa.

O segundo passo dos primeiros discípulos foi o seguimento. A Simão e André, Jesus disse: “Sigam-me”. Eles imediatamente deixaram as redes e o seguiram. Jesus também chamou Tiago e João. Eles deixaram o pai na barca, com os empregados, e partiram, seguindo-o. Seguir Jesus é tornar-se seu discípulo, sua discípula, andando com ele e aprendendo com ele a viver e a realizar a obra de Deus.

O terceiro passo dos primeiros seguidores foi a missão. Jesus disse aos pescadores: ‘Sigam-me e eu farei de vocês pescadores de gente’. Como discípulos, aprendemos com Jesus, andamos com ele. Como missionários, participamos do seu ministério, agimos em seu nome, participamos do seu serviço de profeta, sacerdote e rei no mundo.


Guardando a mensagem

O evangelho de Marcos nos mostra Jesus começando sua pregação. Jesus fala do Tempo da espera que se cumpriu e do Reino que se aproximou. Em resposta, espera a nossa conversão e a nossa adesão ao evangelho. A narração da vocação dos quatro primeiros discípulos – Simão e André, Tiago e João – é uma apresentação de como deve ser nossa resposta à boa nova de Jesus. Nossa resposta deve ser a conversão, o seguimento e a participação na sua missão. Pela conversão, fazemos uma opção por Jesus e pelo Reino de Deus. Pelo seguimento, tornamo-nos discípulos do Senhor. Pela missão, participamos com ele no seu serviço de evangelização, santificação e senhorio no mundo.

E eles, deixando imediatamente as redes, seguiram a Jesus (Mc 1, 18)

Rezando a mensagem

Senhor Jesus,
diante de teu convite, os teus primeiros seguidores foram generosos e prontos na resposta. É assim que temos que responder ao teu chamado. Está escrito que André e Simão “imediatamente deixaram as redes e te seguiram”. Os outros deixaram inclusive o pai na barca, com os empregados com quem trabalhavam e partiram te seguindo. Eles foram generosos nas renúncias que fizeram para te seguir. Senhor, pelo teu Santo Espírito, fortalece em nós a resposta ao teu convite para sermos teus discípulos e missionários. Que ela seja igualmente generosa, pronta e fiel. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.

Vivendo a palavra

Conversão, seguimento e missão - é este o programa de adesão ao Reino de Deus pregado por Jesus. Seja o nosso programa também.

Estamos preparando as comemorações do aniversário do nosso programa Tempo de Paz, veiculado em rede, em mais de uma centena de emissoras de rádio. O primeiro objetivo é difundirmos a proposta do programa e seu alcance evangelizador. O segundo é rendermos graças a Deus pela parceira das rádios, da AMA e de todos os ouvintes. Pense aí em que você poderia participar também deste projeto.

Pe. João Carlos Ribeiro, sdb



13 comentários:

  1. Bom dia padre sua bênção

    ResponderExcluir
  2. Amém padre João Carlos bom dia obrigada pelas suas palavras tão lindas. que nossa senhora Auxiliadora nós abençoe e livre nos de todo mal.

    ResponderExcluir
  3. Padre João Carlos. Peçovquevo Sr. Faça um livreto sobre a explicação da Missa para as crianças. É urgente essa necessidade. Espero ter essa alegria de bem orientar meus netos que estão longe das verdades cristãs. Peço pelo amor de Deus que o Sr perlrepare e exponha a venta com urgência. Deus o abençoe sempre

    ResponderExcluir
  4. Padre João Carlos sua benção;hoje oro em louvor pelo dia de hoje Segunda-feira,pelo dom da vida de todos nós e pela recuperação da saúde de Ângela Guimarães da Silva. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo,assim como era no princípio agora e sempre pelos séculos dos séculos. Amém!

    ResponderExcluir
  5. Agradeço de coração os beneficios espirituais que a meditação diaria trazem à minha vida.

    ResponderExcluir
  6. Amém bom dia padre João Carlos sua benção. Peço oração pra teu povo que estão sofrendo com tanta chuva tantas tragédias senhor misericórdia do teu povo

    ResponderExcluir
  7. Bom dia sua bença padre João Carlos peço oração de paz saúde pra toda minha família e a toda nação amem

    ResponderExcluir
  8. Bom dia ,peço orações pra todas as faias que perderam seu ent queridos em capitólio e por toda minas Gerais, e por toda minha família.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia padre João Carlos que sua semana seja abençoada e iluminada que papai do céu te proteja sempre e nossa senhora auxiliadora envolve o senhor no seu caminho 🙏🙋😇🌟🌟🌟🌹
    Ser Cristão/a nos converter
    pedir a Deus que levante muitos missionários, fazendo de todos evangelista, impulso para missões.
    Pelo amor profundo glória a Deus.
    🙋🙏😍🌹💕
    Uma semana abençoada para todos

    ResponderExcluir
  10. Bom dia padre João Carlos sua benção

    ResponderExcluir
  11. Muito obrigada Padre me tranguiliza muito suas palavras me dá muita paz Deus o abençoe , e peço vossa benção , AMEM

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde padre João Carlos Rosa Caucaia Ceará peço oração pela minha família meus filhos netos peço oração pelo programa tempo de paz e muito maravilhoso senhor está todos de parabéns um feliz aniversário desejo ama tempo de paz

    ResponderExcluir
  13. Ó Deus, que pela humilhação do VOSSO FILHO reerguestes o mundo decaído, eu LHE agradeço pela vida de São Gonçalo de Amarante. No entanto, me ajude adorá-Lo da melhor forma possível. Me ajude viver a minha vocação. Me ajude rezar com fé e confiança. Me ajude amar santamente. Me ajude evitar o pecado. Me ajude procurar a VOSSA igreja. Me ajude vencer o sofrimento. Me ajude evangelizar. Me ajude seguir o caminho da conversão e do discipulado. Isso eu LHE peço por Cristo Nosso Senhor. Amém.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@gmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.

Postagem em destaque

OS PARENTES DE JESUS

22 de janeiro de 2022 EVANGELHO Mc 3,20-21 Naquele tempo, 20Jesus voltou para casa com os discípulos. E de novo se reuniu tanta gente que el...

POSTAGENS MAIS VISTAS