25 dezembro 2019

PERSEVERAR NAS DIFICULDADES, PRIMEIRA LIÇÃO DO NATAL

Quem perseverar até o fim, esse será salvo (Mt 10, 22).
26 de dezembro de 2019.
Estamos na oitava do natal. E já celebrando o primeiro mártir cristão: Estêvão, o diácono Estêvão que pregou o nome de Jesus. Ele denunciou aqueles que levaram Jesus à cruz por conivência com o poder e em rejeição à manifestação de Deus no seu filho amado. Mas, o que essa comemoração do mártir Estêvão tem com o Natal do Senhor que estamos celebrando nesta oitava?
A cena do presépio nos parece doce e poética. Na verdade, ali está representada a forma como a humanidade, a começar pelo seu próprio povo, tratou Jesus. E o tratamento que ele recebeu no seu nascimento foi de exclusão. Nasceu na estrebaria dos animais porque não havia lugar para ele nas casas de família e na hospedaria. Não acolheram o casal em dificuldade, chegando de uma longa viagem, a mulher em dores de parto, uma criancinha por nascer... Na falta de espaço em suas casas, ou melhor, de prioridade dos humildes em suas vidas, alguém lhes indicou a gruta dos animais.  Está certo que a criança e seus pais tiveram a atenção dos pastores naquela noite. Mas, os pastores encontraram a criança e seus pais na maior pobreza. E não foi só isso... com a visita dos Magos do Oriente, José foi avisado que o rei Herodes procurava a criança para eliminá-la. E lá se vai a sagrada família, frente à iminente perseguição dos soldados do rei, migrando penosamente para as bandas do Egito. Exclusão e perseguição são as marcas da vida de Jesus, desde o início.
Jesus tinha avisado aos seus discípulos que eles seriam perseguidos. No evangelho de hoje, estão muitas de suas palavras sobre isso: “Levarão vocês presos para comparecerem diante de autoridades. Serão denunciados aos tribunais, açoitados nas sinagogas. Mas, não se intimidem, nem se desesperem. O Espírito Santo vai fazer a defesa de vocês. Ele falará em nome de vocês. Vejam que a perseguição pode sair até de dentro de sua própria casa. Vocês serão odiados. Mas, quem ficar perseverante até o fim, esse vencerá”. Foi o que Jesus falou.
As primeiras gerações de cristãos logo conheceram o sentido dessas palavras de Jesus. Estêvão era um dos sete diáconos escolhidos pelos apóstolos. A primeira proposta era organizar a distribuição de alimentos para as viúvas e para os pobres. Mas, os diáconos foram especialmente pregadores da Palavra de Deus. Continuaram a pregação de Jesus. Enquanto Estêvão estava só organizando a distribuição das feiras e outras ajudas às famílias pobres, todo mundo gostava. Quando começou a anunciar Jesus e denunciar os motivos de sua morte na cruz, aí começaram a persegui-lo. Estêvão é só um exemplo dos cristãos que continuam hoje a ser perseguidos por causa de sua fé, aliás, um bom exemplo, pois, enquanto estava sendo apedrejado, perdoou os seus algozes e entregou o seu espírito a Deus, imitando o próprio Jesus.



Guardando a mensagem
Estamos na oitava do Natal. No natal de Jesus, apesar do clima de poesia com que hoje o revestimos, vemos nele os sinais da exclusão e da violência. Foi assim desde o começo até à sua morte. Hoje, festejamos o primeiro mártir seguidor de Cristo, Estêvão. Ele foi perseguido e apedrejado por causa de sua fé e de sua pregação sobre o Senhor Jesus. Como seguidor de Jesus (ou sua seguidora), você também pode sofrer incompreensão, discriminação e até perseguição. Nessas condições, muita gente desiste, se acovarda, dissimula ou adoça o seu discurso. O que aprendemos no presépio e, hoje com Estêvão, é a fidelidade até o fim.
Quem perseverar até o fim, esse será salvo (Mt 10, 22).
Rezando a palavra
Senhor Jesus,
Nós te agradecemos por tua encarnação. Tu, o salvador enviado pelo Pai, nos surpreendeste nascendo entre os pobres, em completa solidariedade com os excluídos e sofredores deste mundo. Assim, nos indicaste o caminho que devemos percorrer nesta vida e o caminho que tu és como nosso mestre e Senhor. Nós te bendizemos pelos irmãos e irmãs que enfrentam com fidelidade e destemor os sofrimentos e perseguições por causa de sua fé. Nós te bendizemos por Estêvão, o mártir celebrado hoje. E, por sua intercessão, pedimos a bênção para todos os diáconos da Igreja e suas famílias. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.
Vivendo a palavra
Reze, hoje, pelas pessoas que estão passando dificuldades e sofrendo por causa de sua fé em Cristo.
Pe. João Carlos Ribeiro – 26 de dezembro de 2019

17 comentários:

  1. Boa noite padre João carlos sua bença , um feliz Natal pro senhor.

    ResponderExcluir
  2. Senhor Jesus que o espírito santo venha abitar nós, corações de todos nós.para que não aja nem uma discussão. Por causa da sua Palavra.mari Emilia

    ResponderExcluir
  3. FELIZ NATAL PADRE JOÃO CARLOS! DEUS O ABENÇOE HOJE E SEMPRE.AMÉM!

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Padre João Carlos, lhe desejo um feliz Natal, e obrigado pelas meditações. Peço a Jesus, para me dar força para continuar firme na FÉ, e não ficar parada no meio dó caminho. Sua benção Padre João, Jesus te abençoe e te faça muito feliz.🙌🙌

    ResponderExcluir
  5. Bom dia padre João Carlos um feliz Natal cheio de muita paz saúde e muitas bênçãos que a Luiz do Divino Espírito Santo venha habita nos corações de todos nós para que entre as familias não tenha desavenças que Cristo nos Ilumine sempre Amém obrigando padre pôr todas as palavras abençoada e pelo Evangelho que Deus te cubra de muita bênção e paz saúde 🙏🙏🙏🙏

    ResponderExcluir
  6. Bom dia pe João cCarlo um grande abraço fraternal

    ResponderExcluir
  7. Bom dia padre Joao feliz Natal.

    ResponderExcluir
  8. Bom dia Padre João Carlos Que as bênçãos de Deus estejam no seu coração... Agradeço mais uma vez por me enviar a MEDITAÇÃO E a REFLEXÃO do Santo Evangelho. Quem perseverar até o fim, esse será salvo ( 10, 22 ). Para esses últimos dias de 2019, o que eu desejo pra gente é fé e muita coragem na alma, para seguirmos em frente, confiança, acreditando, vivendo acima de tudo isso, agradecendo a Deus por cada dia vivido e por cada batalha vencida...Desejo uma semana abençoada para o padre João Carlos e todos da AMA.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia padre João Carlos eu peço a Deus Que ele nunca me desanime e que aumente a minha fé fique com Deus

    ResponderExcluir
  10. Bom dia!
    Peço ap Senhor que venha abençoar ainda mais, toda a humanidade.

    ResponderExcluir
  11. Bom dia Pe João Carlos. Agradeço a sua meditação e reflexão do evangelho de hoje,um ensinamento de Jesus Cristo quem perservera e crer for fiel a Jesus Cristo até o fim será salvo. Precisamos muito da misericórdia de Deus para nos mantermos fiéis até o fim. Peço as bênçãos de Deus para o sho saúde e muita boa vontade para estar sempre nos orientando.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia Padre João Carlos que Deus esteja presente em nossas vidas hoje e sempre amém

    ResponderExcluir
  13. Feliz Natal padre João Carlos muitas felicidades saúde paz e bençãos de Deus e Nossa

    ResponderExcluir
  14. FELIZ NATAL, e um Ano Novo cheio de esperança em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião.
Desejando comunicar-se em particular com o Pe. João Carlos, use esse email: padrejcarlos@hotmail.com ou o whatsapp 81 9.9964-4899.