04 julho 2019

O DOM MAIOR DO PERDÃO


Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados! (Mt 9,2)

04 de julho de 2019.

Trouxeram-lhe um paralítico numa cama. Vendo a fé dos que conduziram o doente, Jesus perdoou-lhe os seus pecados. “Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados!”. Isso foi motivo de escândalo para os mestres da Lei. Julgaram que Jesus estivesse blasfemando, ofendendo a Deus com aquela conversa. Para que soubessem que ele tinha poder para perdoar os pecados, Jesus curou também o paralítico. “Levanta-te, pega a tua cama e vai para a tua casa”. Foi um espanto só. Perdoou os pecados e curou da doença.

O evangelho está cheio de gente sofrida: doentes, cegos, paralíticos, leprosos, possessos... Jesus se aproxima dessas pessoas ou essas pessoas se aproximam dele. Jesus lhes dá atenção, toca nelas, as cura, as liberta... Isso tudo pode passar uma imagem equivocada da missão de Jesus. Ele não é um curandeiro. Não curou todos os cegos, nem todos os doentes, nem todos os leprosos. A mensagem que está sendo transmitida é que o encontro com Jesus, o enviado do Pai, resulta em transformação de vida, em mudança radical na própria existência, em libertação de todas as amarras e opressões.
A enfermidade, a cegueira, a lepra, a possessão apontam para um drama maior na vida das pessoas e da sociedade, o pecado. São Paulo resumiu bem essa percepção, quando disse: ‘o salário do pecado é a morte’. O pecado gera destruição, morte. Basta lembrar o caso de Adão e Eva, que é o símbolo do desastre que foi a humanidade dar as costas a Deus, rompendo a amizade com ele. Então, o sofrimento estampado no evangelho é uma indicação do pecado, o pecado como rompimento da aliança com Deus, por parte das pessoas e por parte de toda a comunidade de Israel.
A vinda de Jesus está explicada no próprio evangelho, em relação ao perdão dos pecados. O pai de João Batista, o sacerdote Zacarias, referiu-se à missão do Messias que viria trazer a salvação do povo pela “remissão dos seus pecados”. O próprio João Batista identificou e apontou Jesus como o “cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”. O resultado da obra de Jesus, finalmente, é a salvação, o perdão dos pecados. E sua obra é a pregação, a morte de cruz e a ressurreição. No Sermão no dia de Pentecostes, tendo anunciado Jesus morto e ressuscitado, Pedro convocou o povo à conversão e indicou o batismo para o perdão dos seus pecados.
Nesta cena do paralítico deitado numa cama, aparece Jesus no exercício de sua missão. Ele veio para perdoar os nossos pecados. E fez isso, por sua morte expiatória na cruz. Ele nos reconciliou com o Pai, por meio de sua cruz. O perdão nos põe na comunhão amorosa com o Pai, por meio do Filho, no seu Espírito. E em comunhão também com os nossos irmãos.
Guardando a mensagem
A missão de Jesus está descrita, nos evangelhos, em relação ao perdão dos pecados. O pecado é o drama número um do povo de Deus, por sua infidelidade à aliança. É o drama número um também da humanidade, como consta na história de Adão e Eva. Jesus veio para nos reconciliar com o Pai e nos alcançou isso por sua morte e ressurreição. Os doentes e sofredores, tão numerosos nos evangelhos, apontam para a presença do pecado no mundo. O pecado gera sofrimento e morte. Jesus veio para nos comunicar a vida, o perdão de Deus. Curar os doentes, exorcizar os demônios, purificar os leprosos eram ações que prefiguravam a obra por excelência de Jesus em nosso meio: a salvação, a remissão dos pecados, a vida nova da graça. Não peçamos apenas a Jesus a cura dos nossos males físicos ou a solução dos nossos problemas. Ele veio a nós para muito mais. Peçamos-lhe, em primeiro lugar, a graça da conversão e o perdão dos nossos pecados. A obra dele, por excelência, é a salvação.
Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados! (Mt 9,2)
Rezando a palavra
Senhor Jesus,
Quando curaste o paralítico, o mandaste ficar de pé, carregar o leito e ir para casa. Tu o devolveste perdoado e sadio à sua família. Essa é a graça de vivermos santa e sadiamente: fazermos alguma coisa para os outros, a começar pelos de nossa casa. A sogra de Simão que tu ajudaste a se levantar de sua febre pôs-se logo a serviço. Servir é o que dá sentido à vida do cristão com saúde no corpo e na alma. Rezamos, hoje, Senhor, pelos enfermos. Dá-lhes conversão, oportunidade para receberem o perdão dos seus pecados e saúde para estarem a serviço, em suas famílias e em suas comunidades. Seja bendito o teu santo nome, hoje e sempre. Amém.
Vivendo a palavra
Visite, hoje, um enfermo. Não sendo possível, mande uma mensagem, telefone. Mostre interesse pelo seu bem. E o bem maior, você sabe, vai muito além da saúde física.
Pe. João Carlos Ribeiro – 04 de julho de 2019.

23 comentários:

  1. "Amooo A Meditação Da Palavra Do Senhor ".
    Me enche forças e de fé.

    Muitooo obrigada Pe. João Carlos, por nos evangelizar todos os dias.
    Com este belíssimo trabalho nas redes sociais.
    Pe.João Carlos Deus Abençoe grandemente este seu trabalho de evangelização.
    Sua bênção👏
    Te- Pi

    ResponderExcluir
  2. "Amooo A Meditação Da Palavra Do Senhor ".
    Me enche forças e de fé.

    Muitooo obrigada Pe. João Carlos, por nos evangelizar todos os dias.
    Com este belíssimo trabalho nas redes sociais.
    Pe.João Carlos Deus Abençoe grandemente este seu trabalho de evangelização.
    Sua bênção👏
    Te- Pi

    ResponderExcluir
  3. Lindo e edificante texto

    ResponderExcluir
  4. Amém muito obrigado estou çhegando agora no grupo

    ResponderExcluir
  5. boa noite Padre JoaoCarlos foi interessante isso aconteceu comigo hoje obrigada

    ResponderExcluir
  6. Senhor Jesus, que eu não desista de me aproximar de ti e assim fique curada das minhas enfermidades espirituais. Amém.

    ResponderExcluir
  7. A sua bênção padre João !
    Obrigado por nós evangelizar todas as manhãs ,agradeço imensamente que Deus nos abençoe nesta caminhada !
    Amém Deus seja louvado .

    ResponderExcluir
  8. Muito bom,esta catequese, é. como um bálsamo no início do dia. Renova as forças, alivia as dores e revigora a fé.

    ResponderExcluir
  9. Feliz é aquele que perdoa pois o senhor o perdoará.

    ResponderExcluir
  10. Senhor perdoa os nossos pecados e daí-nos a graça de saber perdoar.Pe João Carlos orai por nós.

    ResponderExcluir
  11. Amém! ! Senhor perdoa meus pecados e do mundo inteiro.

    ResponderExcluir
  12. Perdoar sempre! Pe João Carlos obrigado, amém!

    ResponderExcluir
  13. Muito por esse lindo trabalho de evangelização e muito gratificante

    ResponderExcluir
  14. Meu Senhor e meu Deus,eu vos agradeço de todo meu coração, pelo dom da vida! Obrigada Senhor🤲💞

    ResponderExcluir
  15. Linda mensagem sobre a misericórdia e o amor de Jesus por nós. Linda e amorosa e a maneira que somos acolhidos por ele todos os dias.

    ResponderExcluir
  16. Divino Pai Eterno, me ajude vencer as provações. Me ajude adorá-Lo e glorificá-Lo da melhor forma possível. Me ajude oferecê-Lo bons e santos sacrifícios. Me ajude com a VOSSA providência e a VOSSA bênção. Me ajude com o santo anjo. Me ajude amá-Lo e obedecê-Lo. Me ajude não recusar nada para o meu SENHOR. Me ajude ter mais fé e confiança no meu SALVADOR. Me ajude perdoando os meus pecados. Me ajude ter bons e santos pensamentos. Me ajude com a saúde do corpo e da alma. Isso eu LHE peço pela intercessão de Jesus Cristo, VOSSO querido filho e meu amado REDENTOR. Amém.

    ResponderExcluir

E você, o que pensa sobre isso?